Mogi e Suzano divulgam atendimento para feriado

A Prefeitura de Mogi das Cruzes terá expediente nesta segunda-feira com o atendimento à população por meio dos canais eletrônicos, da mesma forma que vem sendo feito desde o início do período de quarentena para combate à pandemia do coronavírus (Covid-19). Já na terça-feira não haverá expediente devido ao feriado em homenagem a Tiradentes. Os serviços essenciais funcionam todos os dias.

Estabelecimentos comerciais, de serviços e empresas, que se enquadrem entre os setores autorizados pelo decreto de quarentena do governo do Estado, irão decidir se funcionarão ou não, de acordo com as restrições e determinações vigentes.

A Guarda Civil Municipal (GCM) e o Departamento de Fiscalização de Posturas manterão o atendimento ao público pelo telefone 153 para denúncias e reclamações referentes ao descumprimento das medidas de quarentena, outras legislações municipais ou para casos de urgência e emergência.

Na segunda-feira, o Mercado Municipal funcionará das 8 às 17 horas. Já na terça-feira, o atendimento ao público será das 8 ao meio-dia. Estão em funcionamento os boxes de alimentos de primeira necessidade e os que comercializam ração animal. O acesso é limitado e a entrada está sendo feita pela rua Coronel Souza Franco. As feiras livres também funcionarão nestes dias.

Em Suzano, a Prefeitura adotará medidas diferenciadas para a oferta de serviços municipais de saúde e realização de feiras livres durante o Dia de Tiradentes e também na véspera do feriado.

A Unidade Básica de Saúde (UBS) Dr. André Cano Garcia - Boa Vista estará aberta excepcionalmente nas duas datas no período habitual, das 8 às 17 horas. Além disso, como de costume, o Pronto-Socorro Municipal e o Pronto Atendimento do distrito de Palmeiras estarão funcionando 24 horas por dia. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também seguirá em período integral e poderá ser acionado normalmente pelo número 192.

As feiras livres estarão abertas no período diurno até as 13 horas. Segundo o chefe da Pasta, elas deverão atender aos requisitos da Secretaria Municipal de Saúde referentes ao espaçamento entre barracas, higienização de produtos e comercialização exclusiva de alimentos como frutas, verduras, legumes, ovos, condimentos, carnes e pescados já limpos ou em bandejas.