Trabalho conjunto foi determinante

Para a conquista do inédito Selo de "Prefeito Amigo da Criança" da Fundação Abrinq, foi necessária a união de várias secretarias municipais, como a de Educação, Assistência Social, Saúde, Segurança e Cultura. As ações do grupo de trabalho foram criadas de forma vinculada ao programa, mas estruturadas para que possam seguir sendo executadas independentemente do programa.

Segundo o prefeito Marcus Melo, diversas ações importantes se destacam para que Mogi das Cruzes faça parte do seleto hall das 125 cidades que foram reconhecidas com o selo, sendo 15 pertencentes ao Estado de São Paulo e a única dentre os municípios do Alto Tietê. "Ampliamos as ações voltadas à criança e adolescente, como o "Família Acolhedora" (famílias que cuidam de jovens vulneráveis sem a necessidade de passar pela burocracia do processo de adoção) e com o projeto Anjos da Guarda, com a participação da Guarda Civil Municipal, que leva conhecimento aos alunos nas escolas e os alerta sobre a importância da cidadania e de ficar longe das drogas. Também fortalecemos o Conselho Tutelar, com a nova unidade em Jundiapeba e conseguimos incentivar a captação de recursos e doações para o Fundo Municipal do Direito da Criança e Adolescente, com abatimento do Imposto de Renda a empresas participantes do projeto. O desenvolvimento de outras diversas ações importantes envolvendo todas as secretarias, com certeza trouxe um peso maior, que contribuiu muito para o reconhecimento da Fundação Abrinq", enumerou o prefeito Marcus Melo.