Agricultores do Quatinga doam uma tonelada de hortaliças

A Secretaria Municipal de Assistência Social recebeu nesta semana, com apoio da Coordenação de Desenvolvimento Rural Sustentável (CDRS) do Governo do Estado, a doação de mais de uma tonelada de hortaliças de agricultores de Quatinga.

Os alimentos foram distribuídos para as organizações sociais identificadas, por meio do projeto Quitanda Social, uma parceria entre a Pasta e a Secretaria Municipal de Agricultura.

Foram entregues cerca de 3,5 mil pés de alimentos, entre alface lisa e crespa, agrião e rúcula, que não teriam destinação devido à restrições impostas pela pandemia. "Agradecemos aos agricultores de Quatinga por esta doação, que beneficiou famílias em situação de vulnerabilidade em nossa cidade", disse a secretária municipal de Assistência Social, Neusa Marialva.

Os produtores rurais de Quatinga recorreram à vaquinha virtual para receber doações de empresas, pessoas físicas e interessados para comprar uma parte dos alimentos sem destinação para que sejam direcionados para as associações, organizações e comunidades vulneráveis. Os interessados podem acessar o site https://www.vakinha.com.br/vaquinha/agricultores-de-quatinga-pode-plantar-compramos-edoamos

'Quitanda Social'

O projeto Quitanda Social, realizado em parceria pelas secretarias municipais de Agricultura e Assistência Social, com apoio do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural, é coordenado pelo programa Acessuas/Conduz, iniciativa de geração de trabalho e renda para jovens e adultos e famílias em situação de vulnerabilidade social assistidas pela Secretaria de Assistência Social. "Nesse momento que tem aumentado a demanda de atendimento, o projeto tem recebido apoio de vários atores, beneficiado cerca de 140 famílias por semana", disse a coordenadora do Acessuas/Conduz, Vera Suzart.

As famílias atendidas pelo projeto recebem alimentos doados do Mercado do Produtor Minor Harada, a Cooperativa dos Produtores Rurais de Jundiapeba e Região (Cooprojur) e Canevaghi (distribuidora de produtos agrícolas), contribuindo para a segurança alimentar. O objetivo é atender famílias em situação de vulnerabilidade, visando contribuir para a segurança alimentar em Mogi das Cruzes.