Cultura promoverá fóruns para debater Lei Aldir Blanc

A Secretaria de Cultura de Mogi das Cruzes irá promover fóruns setoriais para abordar a aprovação da Lei Emergencial Aldir Blanc,que visa ajudar os trabalhadoras da cultura nesta época de pandemia. Os debates serão realizados de forma separada por segmento, pois o objetivo é dialogar sobre as especificidades dos projetos de cada linguagem cultural, atendendo mais prontamente os profissionais. Todos os encontros acontecerão de forma online, pela plataforma Google Meet.

As salas de debate abrirão a partir das 18h10 e todas devem se estender das 18h30 às 20 horas. Os interessados devem ingressar na conversa até as 19h10, pois após esse horário a entrada não será mais permitida. Todos os encontros serão gravados e disponibilizados no canal Cultura Mogi, no Youtube.

Os encontros começam hoje, com o debate voltado aos setores de música e literatura. Amanhã o foco será atender os segmentos do teatro, circo e dança, enquanto que, na quinta-feira, a discussão será com os segmentos de cultura popular, patrimônio e turismo. Na próxima semana, o ciclo terá continuidade a partir de segunda-feira e serão atendidos os segmentos de hip hop, cinema, fotografia, vídeo, universo nerd/geek, artes plásticas, artesanato e também espaços e territórios culturais.

O secretário municipal de Cultura e Turismo, Mateus Sartori, lembra que a Lei Aldir Blanc foi sancionada, porém ainda depende de regulamentação. "Estou participando de grupos de debate em torno da regulamentação da lei com secretários de centenas de municípios paulistas. O que tem sido bastante discutido e é vontade de todos é que a transferência do auxílio seja responsabilidade do Estado, enquanto que os municípios ficam com a responsabilidade de apoiar os projetos e espaços culturais", explica.