Entregadores recebem refeição gratuita durante manifestação

A paralisação do motoqueiros entregadores de refeições pelo sistema delivery, que ocorreu na quarta-feira passada, motivou uma ação de apoio à luta pelas melhorias das condições trabalhistas da categoria. O proprietário de uma pizzaria localizada na rua professor João Gualberto Mafra Machado, no Vila Brasileira, doou 20 pizzas aos manifestantes, que foram entregues na avenida Vereador Narciso Yague Guimarães, ao lado do Mogi Shopping. Cerca de 150 entregadores de Mogi das Cruzes aderiram à paralisação.

O empresário Christian Robert de Toledo decidiu fazer a doação aos manifestantes em apoio às paralisações, ainda que a suspensão temporária das atividades também tenha ocasionado em prejuízos à pizzaria. "Cerca de 50% das nossas vendas são feitas por meio dos aplicativos de delivery e a paralisação acaba impactando o nosso lucro. No entanto, sou a favor das reivindicações que eles fazem, porque os motoqueiros merecem melhores condições trabalhistas", afirmou Toledo.

A paralisação como ato de protesto solicitava a ajuda de custo para ao menos uma refeição diária dos motoqueiros, já que todas elas são feitas com recursos dos próprios entregadores. "Muitos trabalham durante 12 horas e os aplicativos não oferecem nenhum tipo de ajuda de custo para as refeições. Também está acontecendo muito das taxas de entregas estarem abaixo dos quilômetros rodados, por isso eles pediram o aumento das taxas", acrescentou.

Os problemas com os aplicativos de entrega também são recorrentes, Toledo explicou que corriqueiramente os motoqueiros precisam esperar durante uma hora, em média, para que os pedidos dos restaurantes e lanchonetes fiquem prontos. Isso pode implicar no prejuízo ao entregador, visto que ele não pode realizar outras entregas durante todo este período.

No ato da paralisação, os motoqueiros circulam em protesto pelas ruas do município, como na Doutor Ricardo Vilela, Doutor Corrêa e na avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco, conhecida popularmente como Avenida dos Bancos.