Armador Alexey Borges oficializa saída do Mogi

Alexey deve atuar pelo Bauru na próxima temporada
Alexey deve atuar pelo Bauru na próxima temporada - FOTO: Suelenn Ladessa/ Mogi Basquete
O armador Alexey Borges se despediu da torcida mogiana na tarde de ontem por meio das redes sociais, oficializando sua saída do Mogi Basquete, ao que tudo indica, com destino ao Bauru Basket. O atleta utilizou o Instagram para postar uma mensagem de "até logo".

O início deste mês continua sendo difícil para o torcedor mogiano, que vê seus principais jogadores deixarem o clube. Antes do armador Alexey, o ala-armador Danilo Fuzaro e o ala André Góes, que estiveram na última temporada com a equipe mogiana, deixaram o clube para vestir a camisa de Franca.

Questionado se já estava ciente que o atleta havia fechado com outro clube, o Mogi Basquete afirmou que ele comunicou a diretoria que estava negociando com outro time. Além disso, como teoricamente Alexey não tinha mais vínculo com o clube, já que os contratos foram encerrados e os jogadores estavam livres para negociar com outros times, o atleta não precisaria mais informar sobre seu futuro. O clube apenas disse que queria manter o elenco da temporada, mas ainda está prospectando patrocinadores e parceiros.

Enquanto o clube não revelou se, de fato, já estava ciente que um dos seus principais atletas havia fechado contrato com outro time, o armador se mostrou bem mais claro nas redes sociais, reforçando os rumores da última semana de que estaria fechando com a equipe do interior.

"Mogi das Cruzes, chegou a hora de me despedir", iniciou Alexey Borges no Instagram. "Apesar de não ter finalizado a temporada como gostaria e de ter me machucado no caminho, sou imensamente grato a tudo que vivi aqui. Continuo torcendo para que Mogi se fortaleça ainda mais no cenário nacional, esse pessoal apaixonado merece. Até logo, Mogi Basquete!", postou o atleta.

Ainda na mesma mensagem, o armador, que sofreu uma grave lesão no joelho e desfalcou o time mogiano em boa parte da temporada, agradeceu a torcida, ao técnico Jorge Guerra, o Guerrinha, a equipe médica do clube e aos seus colegas de quadra. "Agradeço meus companheiros de equipe que fizeram uma temporada marcante, mostrando a força de uma equipe brasileira mesmo com todas as adversidades, foi um prazer imenso jogar junto com vocês. Minha palavra é gratidão", completou.

Até o fechamento desta reportagem, nem o Bauru e nem o atleta oficializaram a contratação.

Deixe uma resposta

Comentários