Comércio recebe orientação

O prefeito Marcus Melo (PSDB) considerou o retorno de bares, restaurantes, academias e salões de beleza, promovido nesta semana, como "dentro da normalidade", sem ocorrências graves e com orientações pontuais em alguns estabelecimentos.

"A retomada destes setores é de suma importância para a sobrevivência dos empresários, que enfrentam a pior crise de todos os tempos", disse Marcus Melo. "Os bares e restaurantes da cidade puderam reabrir na segunda-feira, depois de muito tempo fechados. A volta foi tranquila, a Secretaria de Segurança fez a fiscalização em toda a cidade e não foi registrada nenhuma ocorrência grave", completou o prefeito.

Os setores voltaram a receber clientes na última segunda-feira, quase quatro meses após serem proibidos de abrir as portas. A volta à atividade foi possível após melhora nos indicadores da pandemia do novo coronavírus, de acordo com o governo do Estado.

O prefeito ainda pediu responsabilidade e cautela para setores e população, destacando que, apesar do avanço do município e da região para a fase amarela do Plano São Paulo - anunciada na última sexta-feira - nada voltou ao normal. "Seguir os protocolos sanitários de segurança estabelecidos pelas autoridades estaduais é fundamental para que Mogi continue com sua taxa de ocupação de leitos estável", explicou. "Estamos dialogando diariamente com as entidades que representam o comércio, sempre com muita transparência e respeito na busca de criar meios para facilitar a retomada econômica da cidade, mas sem jamais desrespeitar as normas de segurança", disse. (F.A.)