CONTRACAPA

Doação no inverno

O Grupo Marbor arrecadou dezenas de cobertores na campanha "Aquecendo o inverno de quem precisa". As peças foram levadas no fim da tarde de sexta-feira passada por colaboradores voluntários a moradores de rua que estão em abrigos destinados a quem deve ficar isolado durante o período de pandemia de Covid-19.
A escolha do local (de entrega Centro Pop de César de Souza) foi feita com base em uma indicação da Secretaria Municipal de Assistência Social.

Plantação de maconha

Uma denúncia anônima levou a Força Tática do 17º Batalhão da Polícia Militar a localizar uma plantação de maconha na rua Aristides Germano Montagnini, no bairro Conjunto Bovolenta. Ao chegar no local, anteontem à noite, os PMs encontraram 21 mudas e mais uma quantidade de pacotes com a droga, além de óleo produzido com a planta. O proprietário das plantas foi preso e o material apreendido levado para o 1º Distrito Policial de Mogi.

Cobrança do Condemat

O Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) não desistiu de cobrar o governo do Estado sobre ampliação no número de leitos para tratamento da Covid-19 para a região, conforme material publicado hoje, na página 6. Na semana passada, o Mogi News destacou a falta de compromisso do Estado em relação às cidades do Alto Tietê, quando desmentiu os prefeitos que fazem parte do consórcio regional sobre o prazo para liberar os 60 leitos do Hospital Estadual Doutor Arnaldo Pezzuti Cavalcanti, em Jundiapeba.

Falta de compromisso

Segundo o Condemat, os leitos deveriam ser liberados no dia 20 de junho. Questionada pela reportagem do Mogi News, a assessoria de Imprensa da Secretaria do Estado de Saúde disse que nunca havia se comprometido em relação a prazos, o que gerou grande insatisfação nos membros do Condemat.

Mais cobrança

Além do ofício cobrando o funcionamento dos leitos em Jundiapeba, o Condemat também solicitou os 10 respiradores para ampliar a capacidade do Hospital Santa Marcelina, em Itaquaquecetuba (leia mais na página 6).