Chico Rodrigues deixa Conselho de Ética do Senado após dinheiro na cueca

Flagrado com dinheiro na cueca e acusado de desviar recursos da Covid-19, o senador Chico Rodrigues (DEM-RR) deixou ontem o Conselho de Ética e Decoro Parlamentar do Senado, mas ainda é alvo de uma representação que pode cassar seu mandato. Chico Rodrigues fazia parte do colegiado que agora pode julgá-lo. A vaga de Chico Rodrigues pertence ao bloco parlamentar Vanguarda, formado por DEM, PL e PSC. Cabe ao grupo partidário indicar um substituto para a cadeira. (E.C.)

Deixe uma resposta

Comentários