Palmeiras quer vencer após quatro derrotas

Soberano na Libertadores, da qual foi o melhor time da fase de grupos e, com isso, poderá decidir seus jogos no mata-mata em casa, o Palmeiras quer levar a boa fase no torneio sul-americano para o Brasileirão. Na competição nacional, o time alviverde vem de quatro derrotas seguidas e busca contra o Atlético-GO, hoje, às 16 horas, encerrar essa série negativa para voltar a brigar entre os primeiros.
O Palmeiras sofreu quatro reveses seguidos para Botafogo, São Paulo, Coritiba e Fortaleza e só deu fim a essa sequência ruim na temporada com a goleada por 5 a 0 sobre o Tigre, pela Libertadores. Agora, a missão é vencer o duelo em Goiânia, válido pela 18ª rodada, para voltar a mostrar força no torneio nacional.
Os péssimos resultados consecutivos fizeram o time despencar na tabela e se afastar bastante até da disputa pela Libertadores. Triunfar é obrigação para retornar à briga pelo G4, e importante para retomar a confiança antes da desafiadora sequência de jogos, com duelos decisivos no torneio sul-americano e Copa do Brasil. Hoje, a equipe, treinada interinamente pelo auxiliar Andrey Lopes, está estacionada nos 22 pontos.
O Cebola, como é conhecido, vai dirigir a equipe pela terceira partida seguida. Enquanto isso, a diretoria busca um técnico para substituir Vanderlei Luxemburgo. A prioridade é trazer um estrangeiro. Miguel Angel Ramírez, do Independiente del Valle, chegou a acertar bases salariais, mas recuou no acerto. O espanhol Quique Setién, ex-treinador do Barcelona, e o argentino Gabriel Heinze são nomes cotados. (E.C.)