Registros de estupro têm redução de 16% na região

De janeiro a setembro de 2020 são 275 casos notificados
De janeiro a setembro de 2020 são 275 casos notificados - FOTO: Divulgação
O levantamento mais recente divulgado pela Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) apontou que os casos de estupro e roubo de carga diminuíram nas cinco cidades mais populosas do Alto Tietê. Os números se referem aos meses entre janeiro e setembro do ano passado na comparação com o mesmo período deste ano, quando foi observado uma diminuição de 16,9% nos estupros e menos 22% nos roubos de carga.

Isso porque, até o final do terceiro trimestre de 2019, foram registrados em todas as delegacias de Mogi das Cruzes, Suzano, Itaquaquecetuba, Ferraz de Vasconcelos e Poá 331 estupros, a contar com os estupros de vulneráveis. No mesmo período deste ano, 275 registros sobre este crime foram elaborados.

No que diz respeito aos roubos de carga, que tiveram uma diminuição de 22% de um ano ao outro, os meses de 2019 em que houve mais casos foram fevereiro e março. Em ambos, o número de roubo de cargas na região foi de 28 e 27, respectivamente. Em maio e julho deste ano foram registrados 27 e 21 roubos a cargas, estes foram os meses com quantidades mais altas das ocorrências.

Conforme explicou a Secretaria Estadual de Segurança, as estatísticas criminais são utilizadas para retratar a situação da segurança pública e permitir o planejamento de ações policiais e de investimentos no setor. Em São Paulo, a compilação dos dados é feita pela Pasta por intermédio da Coordenadoria de Análise e Planejamento (CAP), responsável pela análise dos dados de interesse policial e pela realização de estudos para prevenir e reprimir a criminalidade.

Deixe uma resposta

Comentários