Crivella xinga Doria e usa termo homofóbico

Após a repercussão, prefeito  pediu desculpas
Após a repercussão, prefeito pediu desculpas - FOTO: Gustavo Serebrenick
O prefeito do Rio, Marcelo Crivella (Republicanos), chamou o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), de "veado" e "vagabundo" durante discurso a apoiadores na quarta passada na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio. A fala teria sido dada após uma mulher que acompanhava a reunião criticar as Organizações Sociais (OS) que atuam na área da saúde..

"Eu entrei na Justiça contra esses vagabundos. Tinha dinheiro pra pagar os funcionários, eles pegaram e pagaram fornecedor, que tinha que pagar dia 10 de dezembro. E faltou dinheiro", bradou Crivella. "Sabe de quem é essa OS? É OS de São Paulo, é do Doria, veado, vagabundo", continuou o prefeito. Após a repercussão, o prefeito, que tenta a reeleição, pediu desculpas.

O governador de São Paulo lamentou o episódio. "Um pastor deveria ser um exemplo, e não fazer ataques, usar palavrões e ser preconceituoso. Crivella se apequena e lamentavelmente encerra seu ciclo de forma melancólica", disse Doria. (A.E.)

Deixe uma resposta

Comentários