Acidente mata 41 pessoas no interior

Um grave acidente entre um ônibus e uma carreta deixou ao menos 41 mortos e 15 feridos na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho (Rodovia SP 249), entre os municípios de Taguaí e Taquarituba, no interior do Estado de São Paulo, a cerca de 350 quilômetros da capital, na manhã de ontem. O número de vítimas foi confirmado pela porta-voz da Polícia Militar de São Paulo, capitã Aline Camargo. Segundo ela, 37 pessoas morreram no local e quatro em hospitais para onde foram levadas em estado grave.

De acordo com o tenente Alexandre Guedes, também porta-voz da Polícia Militar de São Paulo, o ônibus transportava funcionários de uma fábrica de jeans na região e colidiu com uma carreta que levava esterco.

"Foram resgatadas 15 pessoas com vida, mas algumas faleceram. O motorista da carreta foi socorrido, mas não temos o estado de saúde dele". Com o impacto, os dois veículos ficaram destruídos e muitas vítimas ficaram presas nas ferragens O ônibus levava o motorista e 51 trabalhadores. A carga da carreta também foi lançada sobre as vítimas. A carreta teve a cabine totalmente destruída.

As vítimas foram encaminhadas para hospitais das cidades de Taguaí, Taquarituba e Fartura.

Em uma das unidades hospitalares, o médico-chefe da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da Santa Casa de Taquarituba (SP), Gabriel Ortega, que atende algumas vítimas do acidente, já atuou no Hospital das Clínicas de Mogi das Cruzes (SP). O médico ajudou no socorro de vítimas em uma grave acorrência que aconteceu no dia 8 de junho de 2016, que ficou marcado como um dos dias mais tristes vividos na região do Alto Tietê, o acidente com um ônibus fretado que matou 18 pessoas e deixou outras 17 feridas no quilômetro 84 da rodovia Mogi-Bertioga (SP-98), na descida da serra, todos estudantes em Mogi.