Farmacêutico mogiano recebe por auditorias e aplicativo

Paulo Henrique de Oliveira tem sido reconhecido pelo trabalho na área da saúde
Paulo Henrique de Oliveira tem sido reconhecido pelo trabalho na área da saúde - FOTO: Divulgação
O farmacêutico Paulo Henrique de Oliveira, de 44 anos, foi um dos homenageados da Brasil Líderes na noite de ontem. Em cerimônia no Esporte Clube Sírio Libanês, em São Paulo, o mogiano recebeu o título de comendador na categoria "Profissional do Ano - Destaque Nacional". A indicação do especialista para o prêmio se deu pelas auditorias na área da Saúde que fez em 2020 e pelo desenvolvimento de um aplicativo que diagnostica sintomas da Covid-19.

O "Prêmio Excelência e Qualidade Brasil"  homenageou 150 pessoas, sendo três em cada uma das 50 categorias que abarca a honraria da Brasil Líderes. Durante a solenidade, que entra neste ano em sua 15ª edição, Oliveira recebeu o título de comendador, com direito à publicação no Diário Oficial (D.O.), medalha, placa, troféu e selo de qualidade autenticado pelo Governo do Estado de São Paulo para ser aplicado em cartões de visita, notas fiscais e em demais peças relacionadas ao expediente laboral do homenageado.

Em 2016, o mogiano recebeu do Grupo Mídia o título "Os Cem Mais Influentes da Saúde de 2016", na categoria Qualidade e Segurança. Mais recentemente, foi reconhecido em Brasília (DF) em sua área de atuação pela Sociedade Brasileira de Direito Médico e Bioética (Anandem). Já pela Brasil Líderes, Oliveira se destacou pelas auditorias que chefiou em 2020 e por ter liderado o desenvolvimento de um aplicativo que possibilita o usuário identificar, de forma rápida e fácil, sinais e sintomas do novo coronavírus. 

"O APP já tem sido utilizado sem custo por municípios e empresas do Alto Tietê e, também, em Campinas (SP), Jundiaí (SP) e Curitiba (PR) no processo de retomada econômica após a flexibilização da quarentena. O aplicativo também vem sendo testado para ser usado na retomada das aulas", detalha o farmacêutico.

Oliveira ainda se destacou neste ano pelas lives que fez com personalidades da saúde para discutir temas relacionados à Covid-19. Entrevistou, por exemplo, José Gomes Temporão, ex-ministro da Saúde, e Carlos Hiran Goes, mestre em Saúde e especialista em Planejamento e Gestão de Sistemas e Serviços de Saúde do Reino Unido.

Carreira 

Graduado em Farmácia, pós-graduado em Auditoria em Sistemas de Saúde, e mestre em Ciências e Tecnologia em Saúde, Oliveira também é especialista na Metodologia Lean Healthcare, pelo Lean Institute Brasil, e formado em Acreditação de Sistemas de Gestão de Saúde, pela Organização Nacional e Acreditação (ONA).

Proprietário da QE Health Solutions, empresa especializada em educação profissional e assessoria para serviços de Saúde, nos últimos 15 anos, o mogiano ainda ocupou cargos estratégicos no Hospital São Camilo, no Hospital do Serviço Social da Construção Civil do Estado de São Paulo (Seconci), e na Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina (SPDM).

 

Deixe uma resposta

Comentários