Cirurgias eletivas voltam com demanda de 151 pacientes

As intervenções ginecológicas, escolhidas para serem a primeira demanda atendida com o retorno das cirurgias eletivas (sem urgência) em Mogi das Cruzes desde o início da pandemia da Covid-19, começarão a ser realizadas na segunda quinzena deste mês. A fila atual é de 151 pessoas. Os pacientes já começaram a ser chamados para agendamento dos exames necessários para, posteriormente, a realização do procedimento.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Henrique Naufel, que adiantou ao Mogi News na sexta-feira passada o retorno das cirurgias eletivas no município, os pacientes da fila estão sendo contatados desde o início desta semana para que os exames sejam realizados a partir do dia 9 deste mês - mantendo a programação apresentada anteriormente de iniciar os procedimentos na segunda quinzena deste mês.

De acordo com Naufel, a primeira especialidade atendida será a ginecológica, para testar o novo fluxo e, a partir dessa análise, a realização de intervenções cirúrgicas a outras especialidades serão ampliadas gradualmente.

Visando a liberação do centro cirúrgico do Hospital Municipal de Braz Cubas, que hoje é utilizado como Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mudanças de distribuição do espaço na unidade já estavam sendo realizadas desde a semana passada. Quando questionado, na última sexta-feira, sobre o motivo que permitiu o retorno dos procedimentos cirúrgicos sem urgência, o titular da Pasta pontou a estabilização dos casos de internação da Covid-19 como principal fator.

As cirurgias eletivas estão suspensas desde 23 de março, devido ao avanço do coronavírus na cidade. A atual estabilidade dos indicadores sobre a pandemia da Covid-19 na cidade possibilitou que a Pasta começasse a viabilizar o retorno de alguns procedimentos cirúrgicos.

Exames

No início de setembro, a realização de exames como ultrassonografia, ressonância e tomografia, foi retomada no município. Como informou o Mogi News no começo de agosto, outros exames também voltaram a ser feitos: mamografia, colonoscopia, endoscopia, ecocardiograma, eletrocardiograma, cintilografia e a punção aspirativa por agulha fina (Paaf).

Os exames estão sendo realizados em unidades como o Pró-Mulher, Santa Casa, Hospital Municipal de Mogi das Cruzes, Posto de Saúde Vila Suissa e Unidade Clínica de Fisioterapia e Reabilitação (Unica Fisio), além de unidades estaduais de Saúde, como o Ambulatório Médico de Especialidades (AME) e Hospital Luzia de Pinho Melo.