17% do eleitorado suzanense têm mais de 60 anos de idade

TSE estabeleceu um horário preferencial para votação dos idosos, das 7 às 10 h
TSE estabeleceu um horário preferencial para votação dos idosos, das 7 às 10 h - FOTO: Daniel Carvalho/Mogi News
Suzano tem 38.665 eleitores com mais de 60 anos de idade aptos para votar nestas eleições. Esta quantidade é equivalente a 17,7% do total de eleitores registrados na cidade pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que aponta 217.959 votantes para as Eleições Municipais 2020. O levantamento foi realizado pelo Dat com dados do TRE.

Considerando que os votantes com 60 anos ou mais fazem parte do grupo de risco e, portanto, são mais vulneráveis ao agravamento do coronavírus (Covid-19), as eleições municipais deste ano serão realizadas com horário preferencial.

Como medida de prevenção à Covid-19, de acordo com o Protocolo Sanitário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os idosos terão prioridade nas seções eleitorais das 7 às 10 horas.

A votação para o 1° turno será no próximo domingo, dia 15 de novembro, quando os suzanenses deverão escolher um prefeito entre seis candidatos e 19 vereadores entre 433 postulantes à Câmara Municipal. A cidade que tem mais de 200 mil eleitores pode ter segundo turno, que será disputado no dia 29 de novembro. 

No eleitorado idoso, a maior parte dos votantes está na faixa etária de 60 a 64 anos, com um total de 13.108 eleitores, seguido de pessoas com 65 a 69 anos, que somam 10.148 votantes, e de 70 a 74 anos, com 6.791 eleitores.

Suzano ainda conta com 386 eleitores entre 95 a 99 anos e 36 votantes centenários. (Veja mais detalhes por faixa etária no quadro nesta página).

O horário preferencial não é exclusivo para idosos e nem obrigatório, sendo assim, também será possível votar em qualquer horário das 7 às 17 horas, já que o horário de votação foi ampliado em uma hora. 

A prioridade, durante todo o dia da eleição, vai além das pessoas idosas e se estende para eleitores enfermos, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, grávidas e lactantes, e pessoas acompanhadas por crianças de colo.

Região 

Nas demais cidades do G5 - grupo das cinco cidades mais populosas do Alto Tietê - o número de eleitores com 60 anos ou mais também representa uma porcentagem significativa. 

O maior percentual está em Mogi das Cruzes. A cidade tem 63.761 eleitores com mais de 60 anos, o que significa 19,9% do eleitorado total da cidade que é de 319.826 pessoas. A maior parte deste grupo tem idade entre 60 e 64 anos, somando 20.728 eleitores. Mogi possui 885 eleitores entre 95 e 99 anos, e 48 centenários estão aptos para votar na cidade.

Itaquaquecetuba figura no levantamento com 35.027 eleitores idosos, equivalente a 14,6% dos 239.226 cidadãos cadastrados. A cidade tem o menor percentual do G5. Assim como nas demais cidades citadas, em Itaquá o maior número de votantes idosos se concentra na faixa etária de 60 a 64 anos, somando 13.321 eleitores. Entre as pessoas de 95 e 99 anos são 338 eleitores, e com 100 ou mais anos, 27.

Em Ferraz de Vasconcelos há 21.268 idosos, o que equivale à 16,2% do eleitorado total da cidade que é composto por 130.570 pessoas. A maior parte deste grupo está distribuída entre os votantes com 60 e 64 anos, totalizando 7.579 eleitores, dos 95 a 99 anos, são 237, e 22 são eleitores centenários.

Já em Poá 17.479 pessoas com 60 anos ou mais estão aptas para votar, o que representa 18,6% do total de eleitores que é de 93.853. Deste total, 5.883 estão com 60 a 64 anos, 285 com 95 a 99 anos e 24 já têm mais de cem anos.

*Texto supervisionado pelo editor. 

ELEITORES IDOSOS POR FAIXA ETáRIA

Suzano
Idade Quantidade %
60 a 64 13.108 6,01%
65 a 69 10.148 4,66%
70 a 74 6.791 3,12%
75 a 79 3.937 1,81%
80 a 84 2.361 1,08%
85 a 89 1.192 0,55%
90 a 94 706 0,32%
95 a 99 386 0,18%
100 ou + 36 0,02%

Total 38665 17,7%

Fonte: TRE

Deixe uma resposta

Comentários