Suzano promove evento sobre violência escolar

Uma reunião virtual realizada ontem pela Secretaria de Educação de Suzano com diretores de escolas, coordenadores pedagógicos, articuladores comunitários, autoridades e representantes do Instituto Cultiva, marcou o início do seminário de avaliação do projeto "Prevenir a Violência Escolar: Implantação das Comunidades Educadoras", que se estenderá para amanhã e sexta-feira, com oficinas, painéis e palestras.

Neste primeiro dia, o objetivo foi analisar a experiência da formação permanente e da intersetorialidade no atendimento das famílias dos estudantes. A discussão contou com as participações do prefeito Rodrigo Ashiuchi (PL), do vice-prefeito Walmir Pinto (PDT), do secretário Leandro Bassini, do presidente do Instituto Cultiva, Rudá Ricci, e da vice-presidente Franciele Alves.

Mesmo diante da pandemia do coronavírus (Covid-19) o andamento do projeto não parou. Foram realizadas aproximadamente 300 visitas presenciais às casas dos alunos, o que gerou mais de 700 encaminhamentos oferecidos para as pastas municipais, que seguem seu curso no atendimento.

A execução do projeto vem ocorrendo desde julho do ano passado, a partir da atuação conjunta com a entidade, cujo contrato firmado após chamamento público pelo período de 18 meses se encerra em janeiro de 2021. O objetivo principal foi a criação de uma rede territorial de proteção e prevenção da violência escolar para atendimento das famílias de alunos em situação de vulnerabilidade. Em Suzano, foram beneficiadas 33 escolas de ensino fundamental.