Realização de reuniões ou comícios se encerra hoje

Eleições 2020 - E.E. Raul Brasil
Eleições 2020 - E.E. Raul Brasil - FOTO: Felipe Claro
O prazo para que os candidatos Marcus Melo (PSDB) (42,3%, com 81.555 votos no primeiro turno) e Caio Cunha (Pode) (28,3%, com 54.591 votos no primeiro turno) realizem reuniões públicas ou comícios se encerra hoje.

As regras estão previstas no Código Eleitoral e na Lei nº 9.504/97, conhecida também como Lei das Eleições.

Mesmo com o fim dos encontros políticos, as propagandas feitas com alto-falantes ou amplificadores de som são permitidas até às 22 horas de sábado. No mesmo período, também será permitida a distribuição de material gráfico, a realização de caminhadas, passeatas e carreatas, além da divulgação de jingles ou mensagens dos candidatos por carros de som.

Amanhã, ainda irão ao ar as últimas propagandas eleitorais gratuitas no rádio e na televisão. Esse também é o prazo final para a divulgação paga de propaganda eleitoral na imprensa escrita.

Nesta sexta é o último dia para a realização de debates no rádio e na televisão. A Justiça Eleitoral tolera a realização deste tipo de encontro para exposição de propostas até às 23h59 que irá anteceder o pleito. Encerra também amanhã, o prazo máximo para que partidos políticos e as coligações indiquem aos juízos eleitorais os nomes das pessoas autorizadas a expedir as credenciais dos fiscais e dos delegados habilitados a fiscalizar os trabalhos de votação, apuração e totalização durante o segundo turno das eleições.

No segundo turno das eleições, que ocorre neste domingo, cerca de 319 mil eleitores mogianos escolherão o próximo prefeito de Mogi das Cruzes.

No Brasil, eleitores de 57 cidades vão às urnas para decidir seus representantes no Executivo. Ao todo, 38.284.410 cidadãos estão aptos a votar no segundo turno nestes municípios. (F.A.)