Mogi Basquete perde para o São Paulo por 112 a 75

Terceiro quarto ruim decretou a vitória do visitante
Terceiro quarto ruim decretou a vitória do visitante - FOTO: Antonio Penedo/Mogi Basquete
O Mogi das Cruzes Basquete foi derrotado ontem à noite pelo São Paulo por 112 a 75, no Ginásio Hugo Ramos, pela segunda rodada do Novo Basquete Brasil (NBB). O próximo desafio da equipe será amanhã, às 21 horas, contra o Franca, também em casa, com transmissão ao vivo pelo Dazn.

O time da capital começou melhor o jogo e abriu uma diferença no primeiro quarto de nove pontos (20 a 11). No segundo período, a partida ficou equilibrada com vitória do São Paulo por dois pontos (25 a 23). O terceiro quarto foi determinante para o triunfo tricolor, que venceu por uma diferença de 23 pontos (41 a 18). No último, o confronto voltou a ficar equilibrado, mas com vantagem para o time visitante (26 a 23).

"O jogo não foi da forma que gostaríamos. Principalmente, depois da partida que fizemos contra o Bauru e percebemos uma evolução no time. Foi um jogo muito mais físico. Não conseguimos sair da boa qualidade dos jogadores do São Paulo. Teremos que rever as coisas e trabalhar muito, porque cada jogo é uma situação", alertou o técnico Jorge Guerra, o Guerrinha.

Os destaques da partida foram o ala-pivô Fabricio Russo, cestinha com 23 pontos, cinco rebotes e 26 de eficiência, o armador Fúlvio Chiantia, com 11 pontos, cinco rebotes e cinco assistências, o ala Dominique Coleman, com dez pontos e o pivô Douglas Kurtz, com nove pontos e três rebotes.

A partida marcou o retorno do ala-pivô Luis Gruber às quadras. O camisa 20 ficou afastado por dez meses, por conta de uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho esquerdo. Gruber jogou pouco mais de 12 minutos e anotou três pontos.

Deixe uma resposta

Comentários