Alterações da fase amarela começam a valer na segunda

Lojas terão abertura limitada a dez horas diárias
Lojas terão abertura limitada a dez horas diárias - FOTO: Arquivo/Mogi News
As novas regras para o funcionamento do comércio e serviços em Mogi das Cruzes, que com o retrocesso para a fase amarela fica restrito a 10 horas por dia e com capacidade de 40%, passarão a valer somente a partir de segunda-feira. A decisão foi anunciada pelo presidente da Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC) após reunião com o prefeito Marcus Melo (PSDB) e o vice-prefeito Juliano Abe (MDB), na tarde de ontem.

O decreto com as regras deverá ser publicado nos próximos dias, mas foi decidido que ficará facultativo aos comerciantes se a abertura nas 10 horas será sequencial ou fracionada. Os lojistas também terão liberdade para escolher o horário de abertura e fechamento, desde que não ultrapasse o atendimento presencial até as 22 horas.

No site da Prefeitura será disponibilizado o formulário, que deverá ser preenchido pelos empresários, informando o horário de opção de funcionamento. "Estamos inconformados com esse retrocesso para a fase amarela no principal mês para o comércio, mas é uma decisão superior e que vale para todo o Estado. O que conseguimos foi adiar isso para segunda-feira", informou o presidente da ACMC, Marco Zatsuga.

As regras da fase amarela valem para o atendimento presencial em atividades como bares, restaurantes, academias, salões de beleza, shoppings, escritórios, concessionárias e comércios de rua. Também estão proibidos os eventos com público em pé.

Frota de ônibus

Apesar da reclassificação, a Secretaria Municipal de Transportes de Mogi informou que o número de ônibus em circulação será mantido. A frota de veículos municipais havia sido reduzida durante os primeiros meses da pandemia, segundo as empresas concessionárias do transporte público - CS Brasil e Princesa do Norte - a redução na quantidade de ônibus refletia a diminuição de passageiros.

Progressivamente, conforme o município avançou nas fases, mais veículos voltaram a circular, atualmente, a cidade conta com 188 ônibus, o que corresponde a 84% da frota total. A decisão em manter o atual número se deve a grande quantidade de passageiros utilizando o transporte, anteontem foram transportados 76.937 usuários.

PREFEITOS E ESTADO SE REúNEM

Em videoconferência realizada no início da noite de ontem com prefeitos de 62 municípios do Estado, entre eles o de Mogi das Cruzes, Marcus Melo (PSDB), o governador João Doria (PSDB) reforçou os cuidados e as medidas que devem ser adotadas neste final de ano para conter o avanço da pandemia do coronavírus (Covid-19). Nesta semana, o governo de São Paulo anunciou a reclassificação de todo o Estado de São Paulo para a fase 3 - amarela do Plano São Paulo. O  secretário municipal de Saúde, Henrique Naufel, também participou da reunião remota.

A reclassificação de todo o Estado para fase amarela, segundo o governo estadual e o Centro de Contingência da Covid-19 de São Paulo, tem como objetivo evitar aglomerações e o contágio do novo coronavírus. Cuidados que foram reforçados pelo governador e sua equipe. "Até a chegada da vacina, nós não temos outra saída que não seja o uso de máscara, a higiene constante das mãos e o distanciamento social", reforçou Doria.

O secretário de Estado da Saúde, Jean Gorinchteyn, explicou que o Estado registrou aumento de 10% no número de casos e de 7% nas internações nas últimas três semanas. "Precisamos tomar uma atitude frente a pandemia porque hoje o novo coronavírus se manifesta de forma diferente: todo interior já tem focos autóctones e a progressão da doença é muito maior", alertou. 

Durante o encontro, o governador apontou a reta final para a vacina Coronavac ser aprovada e imunizar a população. "Técnicos da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) estão na China, analisando os protocolos da vacina Estamos confiantes com os resultados e aguardamos uma avaliação técnica por parte da Anvisa e, desta forma, começarmos a imunização", concluiu.

VINTE LEITOS PARA UTI

Para garantir eventuais aumentos na demanda, Mogi das Cruzes deve implantar nos próximos dias mais 20 leitos públicos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19. Os leitos serão instalados no Hospital Municipal, em Braz Cubas, onde desde março funciona o Centro de Referência do Coronavírus. A ampliação dos leitos de UTI é resultado de uma articulação junto ao Governo do Estado, que enviou 20 novos respiradores para o Hospital Municipal. A montagem dos novos respiradores depende agora da chegada de alguns insumos e dispositivos necessários para a composição completa dos equipamentos.

Os leitos de enfermaria também estão sendo ampliados de acordo com a demanda registrada nos últimos dias. Além das novas vagas já criadas no Hospital Municipal, a Secretaria Municipal de Saúde está finalizando a montagem de 30 leitos na UnicaFisio, ao lado do Hospital Municipal, que servirão de retaguarda para os casos mais leves e também para pacientes em recuperação após alta da Unidade de Terapia Intensiva, mesma estratégia adotada no Hospital de Campanha.

PARQUES TêM NOVOS HORáRIOS A PARTIR DE HOJE

Parque Centenário da Imigração Japonesa pós quarentena
Parque Centenário da Imigração Japonesa pós quarentena - FOTO: Mariana Acioli
Com a decisão do governo de São Paulo que determina o retorno de 100% do Estado à fase amarela, os parques de Mogi das Cruzes terão mudanças no horário de funcionamento. A partir de hoje, os Parques Centenário, Leon Feffer e Parque da Cidade funcionarão das 7 às 17 horas (atendendo o limite de 10 horas previsto na Fase Amarela do Plano São Paulo), de segunda a sexta-feira e também aos finais de semana.

A limitação de público continua: será de 1,5 mil pessoas, simultaneamente, para os Parques Centenário e Leon Feffer. Para o Parque da Cidade será de 650 pessoas.

No Centenário, as atividades dos ambulantes e de locação dos pedalinho serão liberadas, mas observando-se todas as regras de segurança. Brinquedos e churrasqueiras seguem fechados. Os bebedouros também estarão fechados, por isso a orientação é para que as pessoas tragam água de casa.

No Parque da Cidade, as quadras e as churrasqueiras permanecerão fechados, bem como as aulas esportivas continuam suspensas.

O Parque Municipal Chiquinho Veríssimo e o Núcleo Ambiental da Ilha Marabá recebem visitas monitoradas, mediante agendamento pelo telefone 4798-5959 e grupos reduzidos.

Deixe uma resposta

Comentários