Parlamentares parabenizam Cunha

Na primeira sessão da Câmara Municipal após a eleição que definiu do próximo administrador de Mogi das Cruzes, os vereadores cumprimentaram o colega de plenário e prefeito eleito da cidade, Caio Cunha (Pode), ressaltando o feito do parlamentar.

A discussão de uma moção de aplauso ao vereador foi o pano de fundo para que os colegas o parabenizassem na tarde de ontem. Cunha exerceu o mandato na Casa de Leis por oito anos no Legislativo.

Edson Santos (PSD), autor do documento assinado por todos os parlamentares, admitiu não ter apoiado o futuro prefeito durante a campanha, mas parabenizou Cunha por "honrar a Casa" sendo eleito. "O senhor sabe das nossas necessidades. Boa sorte, uma ótima gestão", desejou.

O presidente da Câmara, vereador Sadao Sakai (PL), também cumprimentou o parlamentar vitorioso. Sakai, que também esteve na disputa como candidato a vice-prefeito na chapa que tinha Marcus Melo (PSDB) como candidato à reeleição como chefe do Executivo, se colocou à disposição para ajudar a cidade, mesmo não estando na Câmara no próximo ano. "Estaremos todos juntos para ter um futuro melhor para nós, para nossas famílias e para todos os mogianos", disse.

Cuco Pereira (PSDB) um dos mais antigos legisladores, disse não se recordar de algum vereador em mandato na Câmara Municipal eleito para o cargo mais alto do Executivo. "Foi iluminado, abençoado para que pudesse chegar à Prefeitura. Provou que o povo queria mudança", apontou, relembrando outros ex-prefeitos que passaram pelo Legislativo, como Junji Abe (2001 a 2008), Marco Bertaiolli (2009 a 2016) e Francisco Ribeiro Nogueira (1993 a 1994).

Ao final das manifestações dos vereadores, Caio Cunha agradeceu aos colegas pelas saudações, afirmando que os últimos oito anos na Câmara foram importantes por lhe dar experiência na vida pública e se tornar uma pessoa melhor. No início da fala ele citou os vereadores Cuco Pereira, Pedro Komura (PSDB), Taubaté Guimarães (PTB) e o ex-vereador falecido em 2019, Olimpio Tomiyama, que esteve com Cunha entre 2013 e 2016, como parlamentares que passaram a ele muitos aprendizados.

"Saio com uma bagagem incrível que me dá mais segurança para encarar esse desafio", disse Cunha, elogiando outros vereadores. .

Alguns vereadores também fizeram menção ao parlamentar e ex-candidato Rodrigo Valverde (PT), que também estava em plenário e deixa a Casa na próxima legislatura. Otto Rezende (PSD) foi um dos parlamentares que saudou Caio Cunha e também Valverde pela coragem de ter concorrido ao
Executivo. (F.A.)