Justiça Eleitoral oficializa vitória dos candidatos

A Justiça Eleitoral emitiu ontem os diplomas para os candidatos eleitos em Mogi das Cruzes, Suzano e Poá. A oficialização ocorrerá hoje em Itaquaquecetuba e já foi realizada em Ferraz de Vasconcelos, na quarta-feira. Para evitar aglomerações, a maioria das cidades optou pelo formato virtual.

A diplomação oficializa a vitória nas urnas das eleições municipais de 2020 e antecede a posse marcada para 1° de janeiro, quando os eleitos assumirão os mandatos pelos próximos quatro anos.

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de São Paulo, os candidatos que estiverem com o registro indeferido, ainda que o recurso esteja pendente de julgamento, não serão diplomados. "O diploma expedido pela Justiça Eleitoral atesta a vitória nas urnas, tornando os eleitos aptos a tomar posse. Sem o diploma, eles não podem assumir", explicou o TRE.

Com exceção de Suzano, que promoveu a oficialização no Teatro Municipal Doutor Armando de Ré, a diplomação dos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores eleitos e reeleitos do G5 - cinco cidades mais populosas do Alto Tietê - ocorreu de forma virtual e os documentos foram emitidos de forma online. O mesmo ocorrerá hoje, em Itaquá.

Em razão da pandemia do coronavírus (Covid-19), muitas cidades optaram por não realizar a cerimônia presencial, limitando-se a expedir e validar os diplomas pela internet. Em Suzano, A cerimônia foi restrita aos eleitos, tendo a possibilidade de levar apenas um acompanhante cada. Na entrada houve aferição de temperatura. O espaço contava com dispensers de álcool em gel e com distanciamento nos assentos.

*Texto supervisionado pelo editor.