Palmeiras goleia Delfín e avança às quartas

Gabriel Veron marcou dois gols na goleada de ontem
Gabriel Veron marcou dois gols na goleada de ontem - FOTO: Divulgação
O Palmeiras continua firme em seus objetivos na temporada. Campeão Paulista, semifinalista da Copa do Brasil e ainda na luta pelo título do Brasileirão, a equipe avançou para as quartas de final da Libertadores sem dificuldades. Ontem, no Allianz Parque, o time venceu o Delfín, do Equador, por 5 a 0 (já havia feito 3 a 1 fora de casa), com excelente atuação do atacante Gabriel Veron, autor de dois gols e de uma assistência, e ratificou sua classificação.

O Palmeiras atingiu 25 gols na Libertadores e agora tem o melhor ataque da competição. Em campo, o time começou o jogo com velocidade. Aos 29, em jogada iniciada em ótima reposição de bola de Weverton, Lucas Lima tabelou com Veron, que cruzou na área. A bola bateu na marcação e sobrou para Patrick de Paula bater de primeira, no ângulo, sem chances para Banguera.

No segundo tempo, Abel Ferreira começou a poupar seus atletas. Com Zé Rafael e Raphael Veiga em campo, a equipe voltou com ímpeto renovado. Aos três minutos, Danilo deu lindo lançamento por trás da defesa e Gabriel Veron tocou com categoria na saída de Banguera para marcar o segundo gol.

Aos seis minutos, Gabriel Menino acionou Raphael Veiga, que achou Veron na direita. O atacante aproveitou a saída antecipada de Banguera e deixou Willian livre para anotar o terceiro. O atacante não marcava um gol havia dois meses e chegou a 15 na temporada - ele empatou com Luiz Adriano na artilharia do time no ano.

O Palmeiras continuava em peso no ataque. Aos 14, mais um golaço do alviverde. Veiga foi na linha de fundo e cruzou para trás. Gabriel Veron pegou de primeira e de voleio mandou a bola no canto direito, sem chances para o goleiro equatoriano.

A equipe continuou atacando e perdeu gols com Gabriel Silva, e Danilo. O Delfín assustou apenas uma vez - aos 24, Cangá bateu falta na trave. Após os 25 minutos, o alviverde diminuiu o ritmo, tocou a bola e esperou o tempo passar. Mesmo assim, chegou ao 5º gol. Aos 48, Gabriel Silva partiu pela direita e só tocou para Danilo fechar o placar. O Palmeiras mostra força nas fases mais agudas e vai brigar por mais títulos na temporada. (E.C.)

Deixe uma resposta

Comentários