Altas temperaturas podem elevar consumo de energia

O verão já começou e as altas temperaturas características do período podem elevar o consumo de energia elétrica nas residências e comércios. Com isso, o hábito de consumo de energia deve ser observado pelos consumidores, adotando medidas racionais para o uso dos equipamentos elétricos.

Segundo o gestor de Excelência ao Cliente da distribuidora de energia do Alto Tietê EDP, Vilmar Teixeira de Abreu, com o calor, aparelhos de ar-condicionado e ventiladores começam a ser mais utilizados. As crianças já estão de férias e além disso, as famílias estão mais tempo em casa, em razão da pandemia do coronavírus, o que pode aumentar ainda mais o consumo de energia. "No calor, geladeira, freezer e ar-condicionado, por exemplo, são aparelhos mais exigidos. Além disso, para escapar do desconforto térmico as pessoas ligam por mais tempo ventiladores, bebem mais água gelada e lavam mais roupas, comportamentos que refletem diretamente no aumento do consumo de energia elétrica", destacou o gestor da EDP.

A crise da Covid-19 levou muitas pessoas a passarem mais tempo em casa e o uso de aparelhos eletrodomésticos tem sido maior, uma vez que as crianças estão assistindo mais televisão, usando videogames e computadores, além de muitas pessoas estarem trabalhando de forma remota. "Orientamos o cliente sobre a importância de sempre avaliar e entender sua conta de luz. Na fatura, no campo de "Histórico de Faturamento", é possível comparar o consumo mensal dos últimos 12 meses, e refletir sobre o comportamento da família naquele período", destacou.

Uso consciente

A EDP criou algumas dicas para os consumidores utilizarem com eficiência eletrônicos e eletrodomésticos. Ligar diariamente os ventiladores e aparelhos de ar-condicionado pode ser necessário, mas em dias com temperaturas amenas utilizar o ventilador pode ser a melhor opção. Isso porque o aparelho de ar condicionado consome mais energia. Outro cuidado importante é com o número excessivo de aparelhos ligados ao mesmo tempo, o que pode elevar consideravelmente sua conta.

O chuveiro elétrico deve estar na posição "verão", que diminui até 30% o consumo do equipamento. Sempre que deixar o ambiente, desligue a luz e faça uso da luz natural, A geladeira corresponde em média a 30% do consumo total de uma casa. Nesse caso, o ideal é pensar no alimento que vai pegar antes de abrir a porta. Com relação ao televisor, é importante não deixar o aparelho ligado sem ninguém assistindo, assim como outros eletroeletrônicos que devem ser retirados da tomada. Nesse período de pandemia da Covid-19 muitos estão trabalhando de forma remota, por essa razão, para economizar, desligue o monitor do computador e programe a proteção de tela. Substitua lâmpadas fluorescentes compactas por lâmpadas de LED, que são muito mais eficientes, ou seja, são econômicas e duram mais também. Para finalizar, junte o máximo de roupas e lave de uma única vez, otimizando o uso da máquina de lavar, pode ser mais uma estratégia para não elevar demais o consumo.