Cunha fala dos primeiros desafios

Prefeito, em coletiva, destacou a organização de todos os setores
Prefeito, em coletiva, destacou a organização de todos os setores - FOTO: Emanuel Aquilera
Durante entrevista coletiva concedida na manhã de ontem na cerimônia de posse da nova mesa diretora do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat), o prefeito de Mogi das Cruzes Caio Cunha (Pode) falou sobre os primeiros desafios à frente do Poder Executivo Municipal, o combate à pandemia e a sua relação com a Câmara de Vereadores.

Questionado sobre a ocupação e encaminhamento de pacientes aos hospitais localizados no município, o prefeito de Mogi reforçou o trabalho que está sendo desenvolvido pela Secretaria de Saúde do município, incluindo a adoção do prédio da UnicaFisio, centro de reabilitação situado ao lado do Hospital Municipal Prefeito Waldemar Costa Filho, no distrito de Brás Cubas. "Temos leitos na UnicaFisio, e estamos preparando outros grupos, o que reforça a importância do Consórcio para traçar uma estratégia em conjunto para todo o Alto Tietê", explicou.

Caio Cunha também falou sobre a importância do trabalho conjunto da rede municipal de saúde, com foco na Atenção Básica, para o processo de fechamento do Pronto-Socorro do Hospital de Clínicas Luzia de Pinho Melo para casos de baixa complexidade, sendo dedicado apenas para atendimentos de urgência e emergência. O prefeito explicou que, com o fechamento previsto para fevereiro, a Administração Municipal já tomou as medidas necessárias para reorganizar a demanda dentro da rede municipal, mas que a colaboração dos outros municípios na região será fundamental.

Em relação à possível campanha de vacinação contra o novo Coronavírus (Covid-19) em Mogi, Caio Cunha garantiu que o município está abastecido de maneira adequada com insumos como seringas e agulhas, e que o trabalho em conjunto dos demais gestores no Alto Tietê será de suma importância, principalmente para a aquisição de um preço menor.

Na área dos transportes, Caio Cunha informou que ainda não avaliou qualquer tipo de proposta de reajuste da tarifa de ônibus municipal para 2021. O chefe do Executivo lembrou que, ao longo do ano, a frota de ônibus nas ruas foi reduzida como medida para o distanciamento social, portanto, antes de qualquer decisão, levará em conta os anseios da comunidade.

Câmara

Perguntado sobre a nova composição da Mesa Diretiva da Câmara Municipal, o prefeito reforçou que a decisão foi tomada única e exclusivamente pelos membros do Legislativo, sem qualquer tipo de apontamento por parte do Paço Municipal. "O mais importante é que houve uma continuidade de projeto, em que os vereadores construíram uma sequência de atividades", afirmou, ressaltando que seu relacionamento com os 23 parlamentares será feito de maneira uniforme e democrática, sem adotar um dos integrantes como líder do governo na Casa de Leis.

Sobre o início dos trabalhos à frente da Prefeitura, Caio Cunha reforçou que tem sido uma etapa de muito trabalho e reuniões com os integrantes de seu secretariado e governo. "Temos um time bem forte, que tem mostrado bastante competência". (A.D.)

Deixe uma resposta

Comentários