Cidades planejam medidas para conter as enchentes

O período de chuvas intensas de verão, que ocorre geralmente entre os meses de outubro e janeiro, deixam alertas às autoridades públicas das cidades do Alto Tietê. Nesta temporada, as enchentes e alagamentos são comuns nas regiões mais vulneráveis e por este motivo a Defesa Civil reforça as medidas de prevenção e atendimentos.

Em Itaquaquecetuba, a Prefeitura está realizando um mapeamento das áreas de risco. A Defesa Civil realiza ainda o monitoramento, vistoria, avaliação e orientação em campo. A cidade, que já é conhecida por sofrer com enchentes, foi castigada no último domingo."Essa população sofre há muito tempo em período de fortes chuvas. Nós vamos trabalhar muito para poder solucionar esse histórico problema", disse o prefeito Eduardo Boigues (PP).

Em Ferraz de Vasconcelos, a Prefeitura promove a limpeza de bueiros, córregos, rios, bem como a construção de muros de contenção, barragens e embocaduras para evitar alagamentos.

Já em Mogi das Cruzes, será realizada uma ação coordenada entre as secretarias municipais para identificar e prevenir problemas causados pelas chuvas. As primeiras visitas foram feitas ao piscinão do Parque Santana e na região de Cezar de Souza.

O município possui equipes encarregadas pela manutenção da cidade, incluindo a retirada de lixo e entulho provenientes de descarte irregular, mas lembrou que esse trabalho só surtirá os efeitos com a colaboração da comunidade ao abandonar a prática e denunciar quando testemunhar alguém praticando algo dessa natureza pelo telefone 153.

Deixe uma resposta

Comentários