Rodovias do Alto Tietê operam com 29 câmeras

A Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) divulgou, nesta semana, o relatório sobre o funcionamento das 29 câmeras de monitoramento instaladas nas rodovias do Alto Tietê.

De acordo com os dados, a Rodovia Ayrton Senna (SP 70), que faz ligação entre os municípios de Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes e Guararema, é a estrada que possui o maior número de equipamentos:  17 câmeras, ao longo do seu trecho. Já o Rodoanel Mário Covas, próximo das cidades de Suzano, Poá e Itaquá, tem atuado com 12 câmeras.

A agência reguladora garante que os equipamentos  proporcionam toda a segurança aos motoristas, além de auxiliarem na fiscalização do tráfego de veículos e também nas ocorrências de acidentes.

A Artesp reforça que o monitoramento acontece 24 horas por dia, praticamente em tempo real. Os dados são transmitidos  para o Centro de Controle de Operações das concessionárias (Ecopistas, SP Mar) e compartilhados com o Centro de Controle de Informações da Artesp, além de ajudar a controlar a movimentação de veículos.

Ainda segundo o levantamento apontado pela agência reguladora, entre janeiro e outubro de 2020 foram registradas mais de 39 mil ocorrências, dos mais diferentes tipos, nas rodovias estaduais. Ao todo, 20 concessionárias estão responsáveis pela administração das rodovias paulistas. (T.M.)

Deixe uma resposta

Comentários