Hora Park aplicou mais de 6,7 mil autuações de Zona Azul

A Hora Park - empresa concessionária do serviço de estacionamento em Mogi das Cruzes - contabilizou mais de 6,7 mil autuações em 2020. As notificações foram aplicadas entre janeiro e novembro do ano passado contra motoristas que desrespeitaram a regulamentação da Zona Azul na cidade.

A Hora Park, empresa que administra o sistema de estacionamento controlado em Mogi das Cruzes, popularmente conhecido como Zona Azul, aplicou 6.712 autuações por estacionamento em desacordo com a regulamentação - estacionamento rotativo - entre janeiro e novembro de 2020. A Zona Azul pertence à modalidade de estacionamento rotativo, e tem como objetivo controlar a fluidez do trânsito, assim como mobilidade urbana.

O sistema de estacionamento Zona Azul chegou a ser suspenso entre março e julho do ano passado por conta das medidas de isolamento social durante a alta da primeira onda do novo coronavírus (Covid-19). Com a redução dos casos e consequente flexibilização da quarentena pelo Plano São Paulo, o sistema voltou a funcionar em 15 de julho. Na ocasião, a Prefeitura argumentou que a medida buscava oferecer maior rotatividade nas vagas da região central com a reabertura do comércio.

A Zona Azul, também foi suspensa durante os dias 25, 26 e 31 de dezembro, 1º e 2 de janeiro. A medida acompanhou a decisão do Governo do Estado que estabeleceu restrições no funcionamento de atividades econômicas durante este período e para mitigar a disseminação da Covid-19 reclassificou todo o Estado de São Paulo para a fase vermelha. O sistema voltou a funcionará normalmente entre os dias 28 e 30 de dezembro. A operação também foi restabelecida a partir do dia 4 de janeiro.

Com a mudança de gestão, a Secretaria Municipal de Transportes informou que a operação do sistema de estacionamento controlado em Mogi das Cruzes, está sendo analisada pela Pasta, dentro do trabalho de revisão de contratos da Prefeitura. Assim, ainda não há previsão, no momento, para a operação de novas vagas.

Mogi tem atualmente 1.092 vagas de estacionamento controlado, distribuídas na região central e bairros próximos. Os valores de estacionamento são R$ 0,75 (para 30 minutos); R$ 1,50 (60 minutos); R$ 2,25 (90 minutos); e R$ 3,00 (120 minutos). O pagamento pode ser feito nos parquímetros instalados nas vias, com as orientadoras do sistema de Zona Azul.

Outra opção que facilita aquisição de créditos e a regularização é a utilização do aplicativo Vaga Inteligente, em que a regularização pode ser feita via internet, com a utilização de créditos.

Os 47 parquímetros disponíveis para o pagamento possuem um sistema que aceita moedas, cartões de débito e de crédito. Nele, o motorista pode digitar a placa do veículo e o local em que está estacionado.

* Texto supervisionado pelo editor.

Deixe uma resposta

Comentários