Em queda, São Paulo defende 1° lugar na casa do Athletico-PR

Paulistas costumam sofrer neste estádio; das 27 partidas no local, ganharam três
Paulistas costumam sofrer neste estádio; das 27 partidas no local, ganharam três - FOTO: Divulgação/São Paulo FC
A eliminação na Copa do Brasil e as duas derrotas seguidas no Brasileirão mudaram o clima do São Paulo. Correndo risco de perder a liderança para o Internacional, o time precisa apagar a má impressão das últimas rodadas, se redimir, e melhorar o fraco desempenho histórico na Arena da Baixada para seguir no topo. Hoje, às 16 horas, o líder entra em campo pressionado diante do Athletico-PR.

Tratado como inimigo pelos paranaenses desde 2005 quando não aceitou jogar a decisão da Libertadores na Arena da Baixada, os paulistas costumam sofrer no estádio. Não apenas no gramado, mas por muitas ações extracampo: cheiro forte de tinta nos vestiários, água fria ou falta dela foram alguns problemas encontrados no estádio.

Será o 27.° jogo do São Paulo no local, onde ganhou apenas três vezes. Perdeu outras 14 e empatou nove. Ficou, por exemplo, 36 anos sem vencer no estádio. Mas vem de dois triunfos seguidos no estádio, ambos por 1 a 0, e espera repetir esse desempenho recente para evitar pressão ainda maior da concorrência. São apenas três pontos a mais que o Inter (56 a 53).

Mais uma vez Fernando Diniz não vai contar com o atacante Luciano, decisivo no 1 a 0 do primeiro turno, ainda em recuperação de inflamação na perna. Após discussão com o técnico e ausência diante do Santos por suspensão, Tchê Tchê deve ser o substituto na frente.

Diniz não gostou de Pablo diante do Santos e apostará no time que foi muito bem nos 3 a 0 sobre o Atlético-MG. O volante foi a surpresa na escalação e o líder do Brasileirão foi perfeito naquela noite no Morumbi. Retorna após ser expulso contra o Bragantino, em uma partida na qual levou uma forte bronca do treinador.

O São Paulo ainda terá o retorno de Bruno Alves na defesa para tentar segurar o ímpeto dos paranaenses. Ambos prometem um jogo ofensivo em Curitiba.

O São Paulo tentará desencantar nessa série de jogos sem Luciano Bastou seu atacante machucar para os resultados positivos sumirem.

Deixe uma resposta

Comentários