TRIBUNA

Recesso

As câmaras municipais do Alto Tietê só retomam as sessões na primeira semana de fevereiro. Os parlamentares terão novos desafios pela frente, além das mudanças com vereadores e prefeitos novos. Tudo começa do zero.

Termômetro

Enquanto as sessões não são realizadas, alguns vereadores já começaram a tomar pé da situação em suas cidades, a agendar reuniões e atender moradores, além de ouvir as reivindicações. Mas o termômetro do cenário político na região só começa mesmo a levantar temperatura em fevereiro.

Boas-vindas

E os novos prefeitos devem participar das primeiras sessões do ano como já ocorre tradicionalmente em Mogi. O prefeito Caio Cunha (Pode) deve comparecer à primeira sessão do ano, já que foi o Legislativo que o projetou para a cadeira mais importante do município.

Mensagem

Em Suzano, o vereador Leandro Alves de Faria (PL), o Leandrinho, foi eleito presidente para o biênio 2021-2022, mas já comandou o Legislativo suzanense em 2018. "Vamos trabalhar para quem nos confiou o voto", disse o parlamentar.

Novo prédio

Em Ferraz de Vasconcelos há outro veterano, o presidente Flávio Batista de Souza (Pode), o Inha, na presidência. Ele, já fez uma reunião com os funcionários da Casa e afirmou que a expectativa é que o novo prédio da Câmara seja inaugurado até dezembro.

Sem atendimento

Em Poá, o presidente Diogo Reis da Costa (PTB), o Diogo Pernoca, é o novo presidente. Ele integra uma comissão que determinou a suspensão do atendimento ao público até 7 de fevereiro. Apenas atividades internas nas áreas essenciais, conforme definido pela Diretoria da Casa, serão permitidas.

Duas vezes

Em Itaquá, o vereador Davi Ribeiro da Silva (PP), o David Neto, é o novo presidente da Câmara escolhido pelos colegas. Ele já ocupou a vaga anteriormente.

Deixe uma resposta

Comentários