1º lote com insumo chega hoje à Fiocruz

Serão três remessas em fevereiro, em um total de 15 milhões de doses
Serão três remessas em fevereiro, em um total de 15 milhões de doses - FOTO: Divulgação/Fiocruz

A Fiocruz irá receber hoje, o primeiro lote do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) para a produção da vacina contra o coronavírus (Covid-19). A remessa terá 90 litros de IFA, que segundo a fundação são suficientes para a produção de 2,8 milhões de doses do imunizante.

A previsão inicial era de que a Fiocruz receberia dois lotes este mês o suficiente para a produção de 7,5 milhões de doses cada um.

Agora, a fundação informou que serão três remessas em fevereiro. O total de vacinas que será produzido, contudo, será o mesmo: 15 milhões de doses.

O IFA saiu de Xangai anteontem. A previsão é de que o lote do insumo chegue ao Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Galeão) às 17h50 de hoje.

De acordo com a Fiocruz, a primeira entrega já com o período de testes, com um milhão de doses, deverá ocorrer na semana de 15 a 19 de março.

"Ainda que sejam necessários ajustes no início do cronograma de produção inicialmente pactuado, a Fiocruz vai escalonar sua produção ao longo dos primeiros meses para manter a meta de 100,4 milhões de doses até julho deste ano", informou a fundação.

Imunização

O Brasil deve encerrar o primeiro trimestre com 41,2 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 garantidas, o suficiente para imunizar pouco mais de um quarto (26,7%) da população prioritária no país.

De acordo com o Programa Nacional de Imunizações (PNI), da Saúde, os 27 grupos somam aproximadamente 77,2 milhões de brasileiros. Considerando que cada vacinação requer duas doses, o contingente garantido até o final de março seria o suficiente para imunizar 20,6 milhões de pessoas, considerando também as 10,7 milhões de doses já entregues em janeiro.