Foco de Biden é a aprovação do pacote, diz Casa Branca

Nova data será 19 de abril e não mais 1º de maio, como divulgado anteriormente
Nova data será 19 de abril e não mais 1º de maio, como divulgado anteriormente - FOTO: Divulgação

A secretária de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki, afirmou ontem que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, está focado na aprovação do pacote fiscal de US$ 1,9 trilhão e irá se envolver pessoalmente no processo de negociações. O texto foi avaliado pela Câmara dos Representantes no fim de semana e ainda precisa ser analisado pelo Senado.

Jen Psaki reiterou que considera crítico que o Congresso aja rapidamente para fazer frente à crise econômica provocada pela pandemia da Covid-19.

Segundo ela, Biden se encontrou com parlamentares democratas ontem para tratar do tema.

Questionada sobre o aumento do salário mínimo a US$ 15 por hora, que deve ser eliminado da proposta no Senado, a porta-voz assegurou que o presidente segue "comprometido" com a medida, mas ponderou que respeita o processo legislativo e reconheceu que ela deve ficar de fora do pacote. "Biden conversará com membros do Congresso sobre a melhor maneira de se fazer isso", ressaltou.

Jen Psaki também salientou que o governo segue trabalhando para garantir a nomeação de Neera Tanden ao Escritório de Administração de Orçamento (OMB, na sigla em inglês). A indicação está travada no Senado por conta de resistência a antigas publicações de Tanden no Twitter. (E.C.)