Receita registra R$ 5 bilhões em arrecadação

Uma entrada atípica de R$ 5 bilhões em Imposto de Renda de Pessoas Jurídicas (IRPJ) e Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL). pagos pelas empresas de diversos setores econômicos ajudou a turbinar a arrecadação em fevereiro, levando ao melhor resultado para o mês em toda a série de dados da Receita Federal. Com isso, a arrecadação desses tributos teve uma alta real de 40,35% em relação a igual mês de 2020, quando não houve esse fator específico.