Casos globais aumentam há 9 semanas seguidas

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, alertou para a gravidade do quadro da pandemia da Covid-19, durante entrevista coletiva da entidade. Ele notou ontem que os casos da doença aumentaram pela nona semana consecutiva pelo mundo, com o número de mortes crescendo pela sexta semana seguida.

Ghebreyesus disse, durante entrevista coletiva virtual, que houve "pequenos recuos" em casos e mortes em vários países.

Por outro lado, ressaltou que muitos países ainda têm "transmissão intensa" do vírus, além de alertar especificamente para o quadro na Índia, que está "para além de partir o coração"

Na coletiva, a OMS enfatizou a importância das vacinas, não apenas para a Covid-19. No sábado passado começou a Semana da Imunização Global, "num momento em que a atenção do mundo está focada em vacinas como nunca antes", afirmou Ghebreyesus.

Ele elogiou o fato de já haver vacinas "seguras e eficazes" contra a Covid-19, desenvolvidas em tempo recorde, "o que nos leva mais perto do fim da pandemia".

EUA

Ao ser questionada sobre a ajuda dos Estados Unidos para o combate à Covid-19 na Índia, a porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, afirmou ontem que a Casa Branca está explorando opções para fornecer oxigênio ao país, que vive um recrudescimento da pandemia. Segundo a porta-voz, os dois governos estão em contato para definir a melhor estratégia de cooperação. (E.C.)