PF realiza operação contra tráfico internacional

Quatro pessoas haviam sido presas em SP até ontem
Quatro pessoas haviam sido presas em SP até ontem - FOTO: Divulgação

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã de ontem a Operação Pneu de Ferro para desarticular suposta organização criminosa responsável pelo tráfico internacional e interestadual de armas de fogo, munições e acessórios, associação para o tráfico de drogas, lavagem de capitais e evasão de divisas. Até a publicação desta matéria, quatro alvos haviam sido presos em São Paulo.

Agentes fazem buscas em sete endereços de investigados e cumprem cinco mandados de prisão temporária nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. As ordens foram expedidas pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio.

De acordo com a PF, a investigação teve início em 2019, com a apreensão de 21 carregadores de fuzis AK 47, calibre 7.62, e um de pistola, escondidos dentro de um pneu no Aeroporto do Galeão.

Os policiais identificaram que os materiais apreendidos eram enviados pela organização criminosa sob suspeita, via postal, das cidades de Kissimmee, Orlando e Tucson, nos EUA e "tinham como destino abastecer facções criminosas de atuação nacional". (E.C.)