Covid-19: Brasil soma 20,89 milhões de casos e 583,8 mil mortes

Teste do Plano Nacional de Testagem para a Covid-19, na Feira dos Importados, em Brasília.
Teste do Plano Nacional de Testagem para a Covid-19, na Feira dos Importados, em Brasília. - FOTO: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A soma de pessoas infectadas pelo novo coronavírus desde início da pandemia alcançou 20.899.933. Em 24 horas, as secretarias de saúde confirmaram 9.154 pessoas infectadas com o vírus. Ontem, a soma de casos acumulados no sistema de informações do Ministério da Saúde estava em 20.890.779.

Há 421.463 casos em acompanhamento, ou seja, pessoas que tiveram o diagnóstico confirmado e estão sendo atendidas por equipes de saúde ou se recuperando em casa.

O total de brasileiros que perderam a vida pela covid-19 chegou a 583.810. Entre ontem e hoje, autoridades de saúde registraram 182 novas mortes causadas por complicações associadas à doença.

Ainda há 3.475 falecimentos em investigação. Nessas situações, os diagnósticos dependem de resultados de exames concluídos apenas após o paciente ter morrido.

A atualização foi divulgada pelo Ministério da Saúde na noite desta segunda-feira (6). O balanço da pandemia consolida dados sobre casos e mortes enviados por secretarias estaduais de saúde.

O número de pessoas que se recuperaram da covid-19 subiu para 19.894.660. Isso corresponde a 95,2% das pessoas infectadas no Brasil desde o início da pandemia.

Os dados em geral são menores aos domingos e segundas-feiras em razão da dificuldade de alimentação do sistema pelas secretarias estaduais. Já às terças-feiras os resultados tendem a ser maiores pela regularização dos registros acumulados durante o fim de semana.

Estados

No topo do ranking de mortes por estado estão São Paulo (146.567), Rio de Janeiro (63.243), Minas Gerais (53.323), Paraná (37.801) e Rio Grande do Sul (34.333). Na parte de baixo da lista estão Acre (1.814), Roraima (1.957), Amapá (1.959), Tocantins (3.702) e Sergipe (6.001).

Boletim epidemiológico de 6 de setembro de 2021