Ciclistas peladam 413km para defender conservação do Cerrado

Um cientista e um engenheiro florestal do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam) percorrerão de bicicleta, 413 quilômetros de trilhas de terra, com o objetivo de informar populações locais do cerrado sobre medidas de prevenção a incêndios e necessidade de conservação do bioma.

Acompanhados de um ciclista especialista em navegação, os dois iniciaram a jornada hoje às 8h, da Floresta Nacional de Brasília em direção a Alto Paraíso de Goiás, na Chapada dos Veadeiros. A previsão de chegada será entre os dias 4 e 5 de outubro.

A aventura será registrada em fotos e vídeos que serão disponibilizados no Instagram @bike_transcerrado. Para acessar o site, clique aqui.

O projeto TransCerrado 2021 foi criado com o objetivo de mostrar ao público, a beleza única do bioma, seus recursos naturais e seu potencial de ecoturismo para essa e futuras gerações.

A primeira edição do projeto ocorreu em 2019, quando foram percorridos mais de 700 quilômetros em duas rodas, em um trajeto entre Goiás Velho e o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. Na oportunidade, foi feito um trabalho de conscientização sobre conservação e desenvolvimento de agricultura sustentável no Cerrado.

“Uma das melhores maneiras da gente preservar e conhecer o Cerrado é estando na estrada, a bordo de uma bicicleta, pois assim você interage com as pessoas que vivem nesse bioma. São elas que podem ajudar a promover o desenvolvimento sustentável da região”, explica o ciclista Paulo Moutinho, integrante da equipe.