PF cumpre ordens de busca em investigação de assalto em Araçatuba

A Polícia Federal prende o banqueiro Eduardo Plass em nova etapa da Operação Hashtag, desbodramento da Lava Jato no Rio de Janeiro.
A Polícia Federal prende o banqueiro Eduardo Plass em nova etapa da Operação Hashtag, desbodramento da Lava Jato no Rio de Janeiro. - FOTO: Tomaz Silva/Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) cumpriu hoje (1º) quatro mandados de busca e apreensão como parte da investigação de assaltos a agências bancárias em Araçatuba (SP) no último dia 30 de agosto. A polícia informou que já foram cumpridos 32 mandados relativos ao crime, sendo cinco prisões temporárias e 27 ordens de busca e apreensão.

Ainda de acordo com a PF, estão sendo colhidos elementos que vão permitir a identificação e prisão de mais integrantes da organização criminosa responsável pelos assaltos. Já foram presas oito pessoas acusadas de envolvimento no roubo.

Ataque com explosivos

Na madrugada do dia 30 de agosto, um grupo atacou com explosivos duas agências bancárias – uma do Banco do Brasil e outra da Caixa Econômica Federal - em Araçatuba, no interior paulista. Os ladrões também espalharam explosivos por diversos pontos da cidade.

Na fuga, houve troca de tiros com a polícia e reféns foram usados como escudo, colocados sobre o capô dos carros da quadrilha. Três pessoas, incluindo dois assaltantes, morreram na ação, e pelo menos outras três ficaram feridas.