Resíduos sólidos

A política dos 3R's para evitar a escassez no meio ambiente

O método, que atua na prevenção, também se destaca em fazer coisas novas a partir de obetos usados

Ana Maria Abreu Sandim
29/03/2022 às 05:30
Atualizada em 31/03/2022 às 13:49.
Julien Pereira/Secom Poá

Reduzir; reutilizar e reciclar, estes são os 3R's da engenharia ambiental - FOTO: Julien Pereira/Secom Poá

O ato de perceber o ambiente, aprendendo a protegê-lo, assim como a aplicação da política dos 3R's, evitam a escassez de recursos e a redução da contaminação do meio ambiente. Para atingir o objetivo, porém, em geral, é adotada a filosofia comumente condensada sob a denominação 3R's, cujo significado é: Reduzir, Reutilizar e Reciclar, apresentada durante a Cúpula do G8, em 2004, pelo primeiro-ministro do Japão, Junichiro Koizumi, buscando construir uma sociedade voltada para a reciclagem.

A corrida desenfreada na produção de bens de consumo pelo ser humano associada à escassez de recursos não renováveis e à contaminação do meio ambiente, levam-o a ser o maior predador do universo.

A reciclagem e a reutilização estão sendo vistas como duas importantes alternativas para a redução de quantidade de lixo no futuro, criando, com isso, bons hábitos de preservação do meio ambiente. No Brasil, a Lei nº 12.305/2010, que trata da Política Nacional de Resíduos Sólidos e outras normativas, trouxe a gestão dos resíduos e, como exemplo, temos as indústrias nacionais que iniciaram programas de substituição de embalagens descartáveis, dando lugar a materiais recicláveis.

No caso do controle de lixo, utilizando a política dos 3R's, reduzir e reutilizar evita que maiores quantidades de produtos se transformem em lixo. Reciclando, pode-se prolongar a utilidade de recursos naturais, além de reduzir o volume de lixo. Exemplificando algumas formas de 3R's: cacos de vidros são reutilizados na fabricação de novos; o reaproveitamento do plástico ajuda a poupar o petróleo; e reciclar papel significa menos árvores derrubadas.

Os resíduos sólidos são gerados após a produção, utilização ou transformação de bens de consumos, como automóveis, embalagens de alimentos etc. Existem resíduos sólidos que são materiais de difícil decomposição e precisam ser geridos de modo adequado para, assim, promover o desenvolvimento sustentável.

Muitos resíduos sólidos são compostos de materiais recicláveis, como papel e plásticos, e podem retornar à cadeia de produção, gerando renda para trabalhadores e lucro para empresas. No entanto, para que isso ocorra, é necessário que haja, nas cidades, um bom sistema de coleta seletiva e reciclagem de lixo.

A política dos 3R's também é um processo que consiste em fazer coisas novas a partir de coisas usadas. A reciclagem reduz o volume do lixo, o que contribui para diminuir a poluição e a contaminação, bem como na recuperação natural do meio ambiente, além de economizar os materiais e a energia usada para fabricação de outros produtos.

Ana Maria Abreu Sandim é engenheira ambiental

 

Quem Somos

Fundado por Paschoal Thomeu – circulou em 22 de novembro de 1975. Em 1992, o administrador de empresas e publicitário Sidney Antonio de Moraes adquiriu a marca e relançou o jornal em 27 de outubro. O projeto foi ganhando força e, em 23 de abril de 1997, o jornal, até então preto-e-branco e veiculado apenas uma vez por semana, passou a circular colorido e bissemanalmente. Em 18 de maio do mesmo ano, a circulação foi ampliada para trissemanal e, finalmente, em 21 de junho de 1997 concretizou-se o lançamento do Mogi News diário. São inúmeras ações que, aliadas à qualidade editorial e gráfica, consagram o Mogi News como o jornal mais lido e respeitado do Alto Tietê

Entre em contato:

(11) 4735-8000
editor@moginews.com.br
editor@jornaldat.com.br
aline.portalnews@moginews.com.br

Av: Japão, 46 - sala 06 - Vila Ipiranga - Centro - Mogi das Cruzes

© 2022 Todos Os Direitos Reservados Ao Portal News