Moradores comemoram anúncio de pavimentação

Moradores do bairro da Volta Fria, que aguardam há anos melhorias significativas na principal estrada de ligação ao centro da cidade e às rodovias que cortam a região, comemoraram a recente notícia de que a via deve começar a receber melhorias definitivas ainda neste semestre.

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER) anunciou recentemente que a licitação da pavimentação da Estrada da Volta Fria deve ocorrer nas próximas semanas, sendo que as obras devem ter início ainda neste semestre.

Segundo o deputado federal Marco Bertaiolli (PSD), serão pavimentados os 12 quilômetros da estrada da Volta Fria, desde o encontro da via com a perimetral até a altura do condomínio Real Park Tietê, criando uma ligação viária que sai da Mogi-Dutra (SP-88) e vai até Jundiapeba e termina ligando toda esta região com a cidade de Suzano.

"Vai ajudar demais quando a obra estiver pronta, vai ser outra vida. (A obra) é o sonho de muita gente", disse o metalúrgico Sebastião Rafael de Lima, 37 anos, que há 15 anos mora no bairro. "Se chove, a pé não tem condição de chegar em casa. O bairro é ótimo, mas a estrada não ajuda, temos de ter carroças ou cavalos para chegar aqui, tenho até medo de trocar de carro e dar muito gasto com manutenção", completou Lima.

No mesmo sentido, o comerciante Eduardo Marcelo de Souza, 44 anos, morador do bairro desde criança, afirma que as melhorias na via vão ajudar na economia com a manutenção dos veículos e diminuir o tempo de viagem. "O estado da estrada é péssimo, a via está com buracos gigantes, a ponte também está horrível", disse o comerciante. "O transporte público também fica comprometido, já que, quando chove, em alguns trechos, os ônibus não chegam", explicou.

Também com reclamações em relação à época de chuva, o comerciante Ronaldo dos Santos, 42 anos, diz que, os buracos, já presentes na via ao longo do ano, ficam ainda mais perigosos nos meses mais chuvosos. O morador do local confirma que as melhorias são necessárias. "Vai ser bom sim quando sair do papel, mesmo que a gente perca um pouco do sossego que a gente tem hoje", ponderou.

Em 2019, o DER se propôs a fazer o projeto técnico para avaliar as necessidades de infraestrutura e custos para pavimentar a estrada da Volta Fria e substituir a ponte sobre o rio Tietê, que ainda é de madeira e oferece inúmeros riscos à população. Posteriormente, a pavimentação foi incluída no Programa Novas Vicinais, que estava previsto para ser lançado pelo governador João Doria (PSDB) no ano passado. (F.A.)

Deixe uma resposta

Comentários