Condemat cobra novamente ampliação de leitos de UTI

Tema da assembléia do Conselho de Prefeitos foi a lotação de leitos de UTI
Tema da assembléia do Conselho de Prefeitos foi a lotação de leitos de UTI - FOTO: Divulgação

 

Preocupados com a alta nos índices de internação em UTI Covid-19 em todo o Estado, os prefeitos do Condemat - Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê voltaram a cobrar do Governo do Estado a ampliação de vagas nos hospitais públicos. O assunto foi debatido hoje (01/03), durante primeira assembleia ordinária do "Conselho de Prefeitos" em 2021.

Atualmente, a região do Alto Tietê tem 276 leitos de UTI adulto ativos em 16 hospitais públicos, entre municipais e estaduais, com 72,1% de ocupação (data base 27/02/2021). Duas destas unidades estão com 100% de ocupação, o Hospital Santa Marcelina, de Itaquaquecetuba, e o Dr. Osíris Florindo Coelho, de Ferraz de Vasconcelos.

Já os leitos de enfermaria adulto na região somam 359, com taxa de ocupação de 50,7%. Importante destacar que o Hospital Dr. Osíris Florindo Coelho, de Ferraz de Vasconcelos, e as Santas Casas de Salesópolis e Santa Isabel estão com estes leitos 100% ocupados.

"Com a alta nos índices em todo o país, inclusive em nossa região, estamos passando por um difícil momento da pandemia, com o surgimento de novas variantes do vírus e todas as regiões em estado de alerta, o que reforça a nossa necessidade imediata de novos leitos para atender os moradores do Alto Tietê", disse o presidente do Condemat e prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuchi.

Ele reforçou ainda que, desde o final do ano passado, o consórcio tem oficiado os órgãos competentes para solicitar a ampliação de leitos de UTI e enfermaria, sugerindo que esta ampliação seja realizada dentro das estruturas do Hospital das Clínicas, em Suzano, e do Hospital Dr. Arnaldo Pezzuti, em Mogi das Cruzes.

Ainda durante a assembleia, os prefeitos discutiram o funcionamento das Câmaras Técnicas, que tiveram os trabalhos iniciados na última semana, bem como novas parcerias e demandas regionais, como a solicitação conjunta ao DAEE - Departamento de águas e Energia Elétrica, para o desassoreamento dos rios e córregos que cortam a região, e ao DER - Departamento de Estradas de Rodagem, para o trabalho de manutenção nas estradas vicinais.

Também participaram da reunião os prefeitos de Biritiba Mirim, Carlos Alberto Taino Júnior; Ferraz de Vasconcelos, Priscila Gambale; Guararema, Zé Luiz Eroles; Itaquaquecetuba, Dr. Eduardo Boigues Queroz; de Salesópolis, Vanderlon Gomes; Santa Branca, Adriano Levorin; Santa Isabel, Carlos Chinchilla; Suzano, Rodrigo Ashiuchi; os vice-prefeitos de Guarulhos, Jesus Roque de Freitas e de Poá, Geraldo Pereira de Oliveira, além dos representantes dos municípios de Arujá, Rogério Gonçalves Pereira, e Mogi das Cruzes, Sylvio Alkimin e do secretário executivo do consórcio, Adriano Leite.

Os pedidos para a ampliação de leitos de UTI nos hospitais da região estão sendo discutidos desde o ano passado e ultimamente tem ganhado força com o aumento do número de pacientes precisando de leitos de internação no Alto Tietê. A ocupação dos leitos de UTI muda de uma semana para outra, mas tem se mantido acima dos 50%.