Vacinação contra a Covid para idosos com 79 anos ocorre hoje

Aplicação para idosos de 77 e 78 anos está suspensa até a chegada de novo lote
Aplicação para idosos de 77 e 78 anos está suspensa até a chegada de novo lote - FOTO: Wanderley Costa

A aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 para idosos com 79 anos acontece hoje, das 8 às 16h30, nas unidades de saúde e Postos de Saúde da Família (PSFs). A aplicação das doses para idosos de 77 e 78 anos está suspensa até a chegada de novo lote. A vacinação ocorrerá enquanto durarem os estoques, pois o município não recebeu a quantidade total para estes grupos.

Para receber a dose, os idosos devem apresentar documento com foto, CPF e comprovante de residência na cidade (confira as faixas etárias e as unidades de saúde no quadro ao lado).

"Nossa grande dificuldade tem sido o fato de não sabermos com antecedência as grades de doses enviadas pelo governo do Estado. À medida que chegarem os novos lotes, vamos informar a população e apresentar as estratégias de imunização", explica o secretário municipal de Saúde, Henrique Naufel.

No próximo sábado, a Secretaria Municipal de Saúde fará um esquema especial para aplicação da segunda dose dos idosos com 90 anos ou mais e para trabalhadores da saúde imunizados entre os dia 6 e 12 de fevereiro (1ª dose). Por conta da grande demanda, serão dois pontos de drive-thru para atendimento preferencial aos idosos (Pró-Hiper do Mogilar e UBS Jundiapeba) e 10 unidades de saúde para atendimento dos profissionais.

Doses

A Secretaria Municipal de Saúde recebeu na quinta-feira passada 3.470 doses do fabricante Astrazeneca/Oxford para a continuidade da vacinação de primeira dose nos idosos. No sábado passado, chegaram mais 1.370 doses para idosos de 77 a 79 anos, o que possibilitou a ampliação público assistido ainda nesta semana.

Também no sábado passado, Mogi das Cruzes recebeu 5.080 doses da Coronavac/Butantan para aplicação da segunda dose nos idosos com 90 anos ou mais e profissionais de saúde, com vacinação realizada no drive-thru, nos dias 6 e 7 de fevereiro, na sequência, nas unidades de saúde, até o dia 12 de fevereiro.

Os documentos obrigatórios para receber a segunda dose são CPF, RG e comprovante da vacinação na primeira dose.

Pré-cadastro

A imunização contra Covid-19 continua e a população-alvo pode fazer o pré-cadastro no site 'Vacina Já', do governo do Estado, para antecipar o registro dos dados. O preenchimento dos dados pessoais no www.vacinaja.sp.gov.br não é obrigatório, mas contribui para agilizar a campanha de imunização contra a Covid-19 em todo o Estado de São Paulo.

Isso porque todas as informações pessoais e documentais do vacinado precisam ser lançadas simultaneamente no sistema do Ministério da Saúde, que coordena e controla a vacinação contra o coronavírus por meio do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra COVID-19.

O pré-cadastro não é um agendamento. Quem não fizer o pré-cadastro não precisa se preocupar, pois a vacinação também será feita mesmo sem ele, com realização do cadastro completo presencialmente no ato da vacinação.