Alto Tietê decide se vai para fase vermelha nesta quinta

Prefeitos do Condemat se reuniram novamente ontem para tratar da pandemia
Prefeitos do Condemat se reuniram novamente ontem para tratar da pandemia - FOTO: Divulgação

A região decide amanhã a adoção das restrições da fase vermelha para conter o avanço da pandemia de coronavírus. A decisão será tomada somente após tratativas com os principais setores produtivos das cidades par minimizar os impactos econômicos, conforme acordado no início da noite de ontem pelos integrantes do Conselho de Prefeitos do Condemat - Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê. De imediato, os prefeitos decidiram pelo fechamento dos equipamentos públicos, como parques e bosques, para restringir a circulação de pessoas.

O Conselho de Prefeitos do Condemat se reuniu duas vezes no dia de hoje - uma vez pela manhã e outra no início da noite, após encontro virtual com o governador Joao Doria, no qual foi apontado que os próximos 10 dias serão críticos em todo o Estado e solicitado apoio dos municípios para conter a transmissão do vírus.

O posicionamento da maioria dos prefeitos do Condemat é pela cobrança ao Estado para ampliação imediata de leitos na região e de diálogo dos municípios com os setores produtivos e entidades de classe antes da tomada de decisão por medidas mais restritivas. Das cidades do Consórcio, Mogi das Cruzes já decretou a fase vermelha e Santa Isabel deverá seguir o mesmo caminho nas próximas horas. As demais - Arujá, Biritiba Mirim, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Guarulhos, Itaquaquecetuba, Poá, Salesópolis, Santa Branca e Suzano - vão tomar decisão em bloco.

"Infelizmente os números são muito preocupantes e vivemos o pior momento desde o início da pandemia, com cinco municípios da região com taxa de ocupação de leitos em 100% e o risco iminente de um colapso do sistema de saúde. Entre hoje e amanhã os municípios vão dialogar com os comércios, serviços, escolas e demais setores produtivos, para que possamos tomar uma decisão consensuada, mas sempre priorizando a saúde e a vida", disse o presidente do Condemat, Rodrigo Ashiuchi.

Segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde, a taxa atual de ocupação de leitos na região do Alto Tietê é de 89,4%, sendo que em Arujá, Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes e Santa Isabel, a taxa de ocupação chegou a 100% entre leitos de UTI e de suporte ventilatório.

Os dados mostram ainda uma alta no número de novos casos em aproximadamente 30% nos últimos 14 dias, com relação aos 14 dias anteriores. Somente no dia de hoje (02/03) foram registrados 349 novos casos e 23 óbitos nos municípios consorciados.

Novas restrições

A cidade de Suzano vai adotar novas medidas restritivas a partir desta quarta-feira (03/03), com a proibição do funcionamento das atividades em praças, parques e jardins, bem como nas escolas municipais, estaduais e privadas.

A iniciativa se deve ao aumento do número de casos registrados do novo coronavírus (Covid-19) e também da taxa de ocupação de leitos destinados às pessoas diagnosticadas com a doença, que passou de 21,8% para 71,8% em duas semanas. Mais medidas podem ser anunciadas hoje.