Leilão das 3 estações termina sem interessados

Estação de trem central de Mogi está no pacote
Estação de trem central de Mogi está no pacote - FOTO: Emanuel Aquilera

A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) informou na manhã de ontem que o leilão de concessão das estações Mogi das Cruzes, Jundiapeba e Estudantes, na Linha 11-Coral, se encerrou conforme previsto no edital, porém sem a apresentação de propostas.

O aviso de licitação foi emitido no final de janeiro, convidando empresas e consórcios a assumir as três estações ferroviárias localizadas no município, por um período de até 35 anos, além de realizar obras de reforma e ampliação das estações. O preço mínimo pedido pelo contrato seria de R$ 140 milhões e, segundo a CPTM, daria ao vencedor o direito de exploração comercial de áreas, bem como a administração e manutenção dos locais.

Segundo a companhia em nota, "A CPTM reafirma seu desejo em buscar parceria com a iniciativa privada para que eles participem investindo nas estações e ambientes que são viáveis. A companhia irá reavaliar se licita novamente, inclusive com a possibilidade de reavaliar o edital".

A Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio da Secretaria Municipal de Transportes, informou que vem acompanhando de perto a questão da concessão e reforma das estações da CPTM na cidade, e que já solicitou à companhia o agendamento de uma reunião para tratar do tema.

O município reiterou seu interesse no transporte ferroviário para o sistema de mobilidade urbana já que é onde milhares se deslocam diariamente.