Isolamento chega a 51% no final de semana

Índice foi de 51% no primeiro final de semana
Índice foi de 51% no primeiro final de semana - FOTO: Divulgação

A fase vermelha começou a surtir efeito e Mogi das Cruzes alcançou recorde de 51% de isolamento no primeiro domingo do decreto. De acordo com o Sistema de Monitoramento Inteligente de São Paulo (Simi), anteontem foi o primeiro dia do ano em que mais da metade da população respeitou o isolamento. Antes disto, taxa semelhante só havia sido alcançada em agosto de 2020. Outros municípios do Alto Tietê também registraram maiores taxas de isolamento durante o primeiro final de semana na fase mais restritiva.

Antecipada na quarta-feira passada, o decreto que colocou Mogi na fase vermelha do plano São Paulo já começou a dar indícios de sua eficácia quando analisados os dados do Simi. Atualizado diariamente, o sistema mede o índice de isolamento social em todo o Estado de São Paulo por meio de uma parceria com as operadoras de telefonia celular.

No último final de semana a cidade registrou isolamento de 51% no domingo e 44% no sábado. Anteriormente, em 2021, o máximo alcançado havia sido 49% no dia 3 de janeiro. A alta no final de semana também acompanha a tendência marcada desde o começo dos registros pelo Simi em fevereiro de 2020.

É no sábado e no domingo que a população mais se preserva, já nos dias úteis da semana, entre segunda e sexta-feira, os índices despencam em reflexo da circulação de pessoas indo e voltando do trabalho. Diante dos dados, as tão infames festas clandestinas tem pouco impacto real, a maior parte da população respeita o isolamento.

* Texto revisado pelo editor