Suzano recebe mais 2,5 mil doses da vacina CoronaVac

Com a chegada das ampolas, a vacinação será reforçada dentro do município
Com a chegada das ampolas, a vacinação será reforçada dentro do município - FOTO: Wanderley Costa/Secop Suzano

A Prefeitura de Suzano recebeu 2,5 mil doses da vacina CoronaVac, que é o imunizante do Instituto Butantan contra o coronavírus (Covid-19). As ampolas chegaram para reforçar a imunização no município. Uma reunião das equipes técnicas da Secretaria Municipal de Saúde e do Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus ocorrerá hoje para definir o próximo cronograma da campanha de vacinação, bem como os respectivos públicos-alvo que serão beneficiados.

De qualquer forma, a pasta adiantou que já na próxima quinta e sexta-feira, os profissionais da pasta deverão realizar a aplicação da segunda dose em acamados devidamente cadastrados nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e em suzanenses assistidos por Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs) remanescentes.

Também haverá aplicação final da CoronaVac em 69 profissionais da saúde do Hospital Auxiliar das Clínicas (HC) de Suzano e em mais 46 cidadãos assistidos pela Equipe Multiprofissional de Atenção Domiciliar (Emad).

Ao todo, foram recebidas 2.560 doses, divididas em dois lotes, sendo 1.460 no primeiro e outras 1.100 no segundo, retiradas no último final de semana. Desta forma, segundo o titular da Saúde suzanense, Pedro Ishi, as equipes definem já nesta terça-feira como funcionará a campanha nesta semana, com o público-alvo específico e o local para vacinação.

"Nesta segunda-feira, separamos todas as doses e organizamos aos públicos prioritários que precisam da segunda dose. Já deixamos organizados para os acamados, para os assistidos pela Emad e também aos residentes de ILPIs. Nesta terça, anunciaremos a data e o local para continuidade dos mais de 77 anos, que já vínhamos imunizando na semana passada, porém houve a interrupção devido à falta de doses", detalhou Ishi.

Dados

Desde o início da pandemia, Suzano contabiliza 11.595 pessoas infectadas pela Covid-19, sendo 388 óbitos e 9.212 recuperações. Há 31 casos suspeitos em análise. Já em âmbito de internações, a cidade tem 40 leitos ocupados das 62 unidades, tendo a taxa de ocupação em 64,51%.

Quando o assunto é vacinação, o município realizou a imunização com a primeira dose de 11.199 pessoas, sendo que, deste público, 4.521 receberam a segunda vacina e, assim, completaram o ciclo para proteção, conforme apontam os órgãos de saúde.