Hospital Municipal terá mais sete leitos de UTI Covid hoje

Hospital Municipal é referencia para o atendimento de coronavírus em Mogi
Hospital Municipal é referencia para o atendimento de coronavírus em Mogi - FOTO: Arquivo/Mogi News

O prefeito de Mogi das Cruzes, Caio Cunha (Pode), afirmou na noite de ontem que o município receberá a partir de hoje mais sete leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e, ainda nesta semana, mais 27 leitos de enfermaria para tratamento do novo coronavirus (Covid-19). Os novos leitos tem como objetivo evitar o colapso do sistema de saúde na cidade, e serão instalados no Hospital Municipal Pref. Waldemar Costa Filho, no distrito de Braz Cubas.

A transmissão ao vivo contou com a presença da vice-prefeita Priscila Yamagami (Pode), e também apresentou, entre outros assuntos, a decisão sobre a continuação do decreto municipal que estabelece a Fase 1 (Vermelha) no município com mais restrições.

Os novos leitos foram obtidos em parceria com o governo do Estado na última sexta-feira, em reunião no Palácio dos Bandeirantes, sede do poder estadual. Em uma parceria com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, foram enviados R$ 3,5 milhões para o financiamento dos leitos de baixa e alta complexidade.

No entanto, o prefeito de Mogi das Cruzes esclareceu que a vinda dos novos leitos não refletirá automaticamente na redução dos índices de ocupação. "Estamos trabalhando para abrir estes leitos até o início da manhã desta terça, mas estes leitos já estão ocupados. Já estamos com fila de espera para UTI no Hospital Municipal", explicou.

A instalação dos novos leitos é complementada pela ação do governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, que anunciou semana passada a vinda de mais 80 leitos, com 30 leitos (10 de UTI e 20 de enfermaria) no Hospital Dr. Arnaldo Pezzuti Cavalcanti, em Jundiapeba.

TRANSPORTE PÚBLICO

Questionado sobre as ações voltadas ao transporte público e o combate as aglomerações, o prefeito de Mogi das Cruzes reiterou que o município já realizou o remanejamento de ônibus circulares para evitar aglomerações nas paradas e dentro dos veículos, com principal enfoque no horário de pico.

O prefeito também prometeu a instalação de câmeras nos ônibus para aumentar a segurança e auxiliar no mapeamento de utilização das linhas.

IPTU

A cobrança do IPTU, que teve início nesta semana, recebeu novidades pelo prefeito de Mogi das Cruzes. Segundo a Secretaria de Finanças do município, as parcelas do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e do Imposto sobre Serviços (ISS) dos meses de abril, maio e junho foram adiadas para os últimos três meses do ano sem cobrança de juros.

ESCOLAS

O prefeito de Mogi das Cruzes usou a transmissão ao vivo para reiterar que manterá a restrição a atividades presenciais nas escolas do município, com o objetivo de impedir aglomerações, mesmo de alunos em salas de aula. A mesma determinação será aplicada a igrejas, que não poderão realizar missas, cultos ou cerimônias presencialmente na Fase Vermelha.