Pelo 2° dia seguido, Mogi registra ocupação de 100%

Vagas de Enfermaria e de UTI estavam lotados
Vagas de Enfermaria e de UTI estavam lotados - FOTO: Mogi News/Arquivo

Pelo segundo dia consecutivo a taxa de ocupação de leitos reservados para tratamento de pacientes com coronavírus (Covid-19) em Mogi das Cruzes marcou 100%. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, ontem os sete hospitais da cidade registraram ocupação máxima tanto nos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) quanto nos de Enfermaria.

O colapso do sistema de Saúde se consolidou ontem quando a cidade registrou, pelo segundo dia, uma ocupação de 100% da soma dos leitos fornecidos por hospitais estaduais, municipais e particulares que atendem o município e pacientes de cidades vizinhas.

A ocupação de 100% não permite nem mesmo o atendimento para casos de menor severidade, uma vez que até o leitos de enfermaria, destinados para esse tipo de tratamento se encontram ocupados. Ontem, 181 pacientes estavam sendo reabilitados em vagas de enfermaria de acordo com a atualização da Prefeitura. Na UTI a situação também é preocupante, 137 contaminados em estado grave estavam sendo tratados. Os números são referentes aos leitos ofertados pelo Hospital Municipal , Santa Casa, Luzia de Pinho Melo, Hospital Ipiranga, Hospital Santana, Biocor e Mogimater.

Mortes

Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Copndemat)registrou ontem 32 óbitos por coronavírus.

As vítimas fatais registradas hoje eram residentes nas cidades de Arujá, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá, Santa Isabel e Suzano

*Texto supervisionado pelo editor.

Deixe uma resposta

Comentários