Prefeitura instala câmeras nos ônibus a partir do dia 22

Câmeras vão monitorar lotação e aglomeração
Câmeras vão monitorar lotação e aglomeração - FOTO: Divulgação

A Prefeitura de Mogi das Cruzes inicia no próximo dia 22 a instalação dos equipamentos que permitirão a utilização de câmeras instaladas nos ônibus do sistema municipal de transporte coletivo para o monitoramento da ocupação de passageiros nos veículos. O objetivo é evitar aglomerações de pessoas no transporte e oferecer um serviço com mais segurança e qualidade para a população.

Os detalhes para a operação foram definidos em uma reunião realizada na noite desta quinta-feira (11/03) com a participação da vice-prefeita Priscila Yamagami Kähler, da secretária Municipal de Transportes, Cristiane Ayres, e de representantes das empresas concessionárias do serviço e da empresa responsável pelo aplicativo que será utilizado.

A princípio, quatro ônibus receberão os equipamentos para que seja feito o acompanhamento do trabalho e os ajustes necessários. A partir daí, o serviço será ampliado gradativamente para o restante da frota. Um sistema semelhante já é utilizado no transporte coletivo da cidade de São Paulo.

"O monitoramento pelas câmeras instaladas nos ônibus, além da questão de segurança pública, também terá a segurança sanitária. Se for notada aglomeração, a Prefeitura consegue encaminhar mais ônibus para atender as pessoas. É uma forma mais rápida e eficiente para fazer este trabalho", explicou o prefeito Caio Cunha.

Com o equipamento, também será possível montar uma central de acompanhamento do serviço, que será feita na estrutura da Secretaria Municipal de Transportes. Nela, será possível ter informações em tempo real sobre por onde os ônibus estão circulando e o número de pessoas transportadas.

Toda a captação de imagens feitas pelas câmeras já está de acordo com as regras estabelecidas pela nova legislação nacional de proteção de dados e tem o cuidado adequado com a privacidade dos passageiros.

Os dados obtidos com a utilização do novo sistema também serão utilizados para traçar estratégias assertivas para tornar o sistema cada vez mais eficiente, com o objetivo de trazer mais conforto aos usuários, principalmente nos horários de pico.

Outras medidas

O monitoramento de ocupação pelas câmeras existentes nos ônibus faz parte de uma série de ações para a melhoria do transporte coletivo na cidade. No início deste mês, a Prefeitura ampliou o número de ônibus nos principais corredores e fez o remanejamento de ônibus que atuam no entrepico, quando a movimentação de passageiros é menor, para reforçar ainda mais o atendimento nos horários de maior demanda de usuários transportados. A operação com mais ônibus em circulação foi mantida mesmo com a entrada da cidade na Fase Vermelha do Plano São Paulo, com mais restrições.

A ampliação no número de ônibus em circulação está beneficiando os corredores viários da avenida Japão, que atende bairros como o Conjunto Santo Ângelo, da avenida Francisco Rodrigues Filho, que recebe os veículos do Botujuru e do distrito de Cezar de Souza, da avenida Lourenço de Souza Franco.