Poá pode receber projeto Casa da Mulher Brasileira

Secretária se reuniu com ministra Damares Alves
Secretária se reuniu com ministra Damares Alves - FOTO: Rodrigo Nagafut/Secom Poá

O município de Poá pode receber do governo federal a Casa da Mulher Brasileira. O projeto presta um acolhimento mais humanizado às mulheres vítimas de violência doméstica e sexual. A novidade surgiu durante a reunião virtual realizada na quarta-feira, entre a Secretária da Mulher de Poá, Maria Graça Chaia Marques, e a Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves.

O encontro online realizado por intermédio do deputado federal Roberto de (Pode), foi solicitado pela secretária poaense com o objetivo de obter recursos para o município. "Durante a conversa, solicitei à ministra ajuda do governo federal para projetos voltados às mulheres da cidade, principalmente, as que sofrem violência sexual e doméstica, bem como apoio para a Casa Abrigo e ajuda para intensificar os trabalhos relacionados neste sentido", ressaltou a titular da Pasta.

Após a solicitação, a ministra sugeriu a implantação da Casa da Mulher Brasileira como forma de atender as demandas da Secretaria da Mulher. O projeto integra no mesmo espaço diferentes serviços especializados que atendem aos mais diversos tipos de violência contra as mulheres: Acolhimento e Triagem; Apoio Psicossocial; Delegacia; Juizado Especializado em Violência Doméstica e Familiar contra as Mulheres; Ministério Público; Defensoria Pública; Serviço de Promoção de Autonomia Econômica; Espaço de cuidado das crianças - Brinquedoteca; Alojamento de Passagem e Central de Transportes.

Em contrapartida, o município precisará disponibilizar uma área que comporte as necessidades do projeto.